terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

Priscila Krause solicita audiência pública para discutir dificuldades dos cursos e a necessidade de autonomia financeira da UPE, sobretudo no Campus Garanhuns


A deputada estadual Priscila Krause solicitou audiência pública para discutir as dificuldades dos cursos e a necessidade de autonomia financeira da Universidade de Pernambuco, sobretudo no Campus Garanhuns. Ela colocou a mandato à disposição da instituição.

“Reafirmamos nosso compromisso de atuar pelo fortalecimento da UPE - do interior à capital. Em Garanhuns, na Reunião de Planejamento Estratégico e Acadêmico (Planeac) do Multicampi que engloba o campus Garanhuns, Caruaru, Serra Talhada, Arcoverde e Salgueiro, tivemos a oportunidade de explanar sobre a importância da política de ciência e tecnologia no contexto estadual e da iminente necessidade de recompormos o orçamento da UPE”, destacou Priscila Krause. “Em 2015, por exemplo, a UPE representava 1,93% de toda a despesa estadual enquanto que, em 2018, esse índice caiu para 1,68%. Há um estreitamento orçamentário aos desenvolvimentos acadêmico e científico pernambucanos. São muitas demandas, todas legítimas”, acrescentou a parlamentar.


No caso do curso de medicina, a discussão é uma iniciativa legislativa que vise garantir aulas práticas dos alunos, que não podem tê-las no Hospital Dom Moura, por falta de condições.

Priscila Krause participou da abertura do Planejamento Estratégico e Acadêmico do campus Garanhuns da Universidade de Pernambuco, participando ainda de mesa redonda, debatendo com o Reitor Pedro Falcão, o deputado federal Danilo Cabral e o deputado Sivaldo Albino, além dos anfitriões, os professores Rosângela Falcão e Adauto Trigueiro, diretora e vice-diretor da UPE Garanhuns.

Assuntos acadêmicos a exemplo de graduação, carga horária, estágio, extensão, currículo, pesquisa, entre outros, estiveram na pauta de debates. O professor Pedro Falcão avaliou como positivo o encontro. “A Universidade deve estar aberta ao debate. Estamos em um período de planejamento e também em busca de investimentos que podem vir, inclusive, na forma de emenda parlamentar. Nosso multicampus em Garanhuns está de parabéns em aliar este debate sobre políticas públicas para educação ao seu planejamento estratégico anual”, destacou o Reitor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário