segunda-feira, 26 de novembro de 2018

O clique perfeito do fotógrafo Hélder Carvalho


Por Altamir Pinheiro


Para quem não sabe, guardada as devidas proporções, Garanhuns também tem o seu SEBASTIÃO SALGADO (considerado um dos maiores fotógrafos do mundo). Trata-se de Hélder Carvalho que tem a honra de ser chamado de fotógrafo, por ser um profissional reconhecido em todos os ramos da fotografia garanhuense, contando belas histórias em imagens das famílias da terra de Simôa. Aliás, o trabalho de um bom fotógrafo é sempre contar uma história. Por isso, seja qual for o segmento de atuação escolhido por ele, seus registros sempre podem nos mostrar belos enredos, que falam sobre as emoções do dia a dia, da vida e até sobre nós mesmos.

Especializado em casamentos, cerimônias e aniversários, por essas paradas, o nosso amigo Hélder tornou-se no melhor fotógrafo desses temas. Em seus mais de 20 anos de profissão fez imagens de tirar o fôlego, que muitas vezes provocam e emocionam. Suas fotografias trazem ao observador o sentimento de afinidade para com os integrantes das cenas registradas. Os noivos, suas famílias, a criança aniversariante, seus sentimentos e suas histórias: tudo isso cabe e é valorizado e destacado nos cliques desse categorizado profissional. O fotógrafo/empresário Hélder Carvalho é reconhecido em todo Pernambuco e em quatro estados do Nordeste e outros do Brasil como uma grande referência nos gêneros acima citados.

Já dizem os grandes especialistas e profissionais do ramo que, fotografar é a arte de fazer o tempo parar, como também   a arte de eternizar momentos. O fotógrafo profissional   tem essa capacidade de levar o observador a se sentir tocado pelo que outras pessoas vivem. Observar uma bela fotografia é eternizar momentos, sorrisos e lágrimas, e uma singela maneira de expressar o que se vê ou sente. Certa vez o profissional Adílson Santos soltou esta pérola de beleza estética: “O fotógrafo quando faz uma foto – usa os olhos, a alma, o coração e a emoção. E no final o DEDO. Para ver e entender àquela imagem, use tudo, menos o dedo” ...

Voltando-se em torno dos ponteiros do relógio do tempo, a  começar da criação da KODAK, uma tecnologia revolucionária pra época(1880), considerada como uma das maiores revoluções na fotografia, muitas coisas aconteceram nesses quase 200 anos de história dessa forma de arte que vem  retratando dois séculos de conhecimentos sobre o passado e sobre o desenvolvimento da humanidade ou de um povo, como também de uma ciência ou arte; de uma cultura, região, de um indivíduo ou determinada família. Porém, com as novas tecnologias que revolucionaram a fotografia no século XXI, como a digitalização das imagens e o surgimento dos SMARTPHONES e das redes sociais, principalmente o INSTAGRAM, tudo indica, que a profissão de fotógrafo profissional seja mais uma com seus dias contados e com inflexível tendência a desaparecer.

Vale lembrar que a partir do dia que chegou em Garanhuns (e sempre o tive como amigo), o então adolescente Hélder Carvalho fez do seu CLICAR FOTOGRÁFICO um verdadeiro elixir medicamentoso e terapêutico ao conquistar tudo que teve direito, através da imagem. Mas, tudo, de bom ou de ruim, tem começo, meio e fim... Nessa última sexta-feira passada, dia 23, a partir do seu ensaio fotográfico com gostinho de despedida seu olhar mágico estará em outra direção... Em que pese sua empresa continuar com uma equipe de fotógrafos profissionais parece que Garanhuns está perdendo um abnegado e grande mestre da fotografia, mas pela lei da compensação está ganhando um POLÍTICO PROMISSOR. Que seja bem-sucedido e que Deus o ilumine nessa sua nova caminhada!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário