terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Prefeito Izaías Régis retorna ainda hoje (31) a Garanhuns

O prefeito Izaías Régis chegou há pouco no Aeroporto dos Guararapes no Recife e teve uma surpresa. Quem desembarca por lá se depara com esse belo painel de Garanhuns. Ele nos enviou a imagem e dividimos com vocês. Uma boa forma de dar boas vindas aos visitantes e turistas, hein?! (Texto e foto extraídos da página da Prefeitura Municipal de Garanhuns)  

Presidente do PSDC Pernambuco participa de reunião, nesta terça (31), em Garanhuns

O PSDC Garanhuns através de seu presidente, o vereador Audálio, realizará uma reunião partidária com seus filiados e lideranças de diversos segmentos do município.

O encontro contará com a participação do presidente estadual do PSDC, Geraldo Queirós, onde serão discutidas pautas relevantes para Garanhuns.

A vinda de Geraldo Queirós tem o objetivo de fortalecer a sigla para as próximas eleições na região, considerando Audálio um político de grande expressão da legenda no interior do Estado.

LOCAL: Câmara Municipal de Garanhuns

DATA: Terça, 31 de janeiro de 2017

HORA: Ás 14:00h

Sesc reafirma parcerias na área esportiva com a Prefeitura Municipal de Garanhuns

Secretario de Juventude, Esportes e Lazer, Carlos Eugênio com a gerente executiva do Sesc Garanhuns, Ivânia Bairros
Com o intuito de ampliar as parcerias existentes entre o Sesc e a Prefeitura Municipal de Garanhuns, o secretário de Juventude, Esportes e Lazer, Carlos Eugênio, esteve em reunião com a gerente executiva do Sesc Garanhuns, Ivânia Bairros, em busca de dar ênfase na parceria na área de esportes. Também esteve presente na reunião, a diretora de esportes do Sesc, Fabiana Santos.

“Já mantemos uma grande parceria com a Prefeitura, sobretudo com a Secretaria de Saúde, e vamos trabalhar juntos também nesse segmento da Juventude e dos Esportes”, afirmou Ivânia. 

O secretário da pasta, Carlos Eugênio, afirma que os garanhuenses só têm a ganhar com essa parceria entre as duas instituições. “Essa parceria vai possibilitar que as seleções que representam o município nas competições estaduais possam treinar no Ginásio do Sesc, assim como para que possamos realizar competições em nível regional, estadual e até nacional aqui em Garanhuns. Também poderemos desenvolver ações sócio-esportivas e apoiarmos mutuamente as ações promovidas no município”, explicou.

Além da parceria com o Sesc, a Prefeitura Municipal de Garanhuns também está mantendo contato com a direção de tradicionais colégios da cidade, como o Colégio Diocesano de Garanhuns, Colégio Quinze de Novembro e o Colégio Monsenhor Adelmar da Mota Valença (CMA), para que os seus espaços esportivos também possam ser sede de competições e treinamentos das seleções locais.

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

URGENTE: Grave acidente com ônibus escolar próximo entrada da Cohab III, na BR-424, em Garanhuns

Do Agreste Violento

Um grave acidente foi registrado na tarde desta segunda-feira (30) na BR-424, em Garanhuns no Agreste de Pernambuco. O acidente aconteceu nas proximidades da entrada da Cohab III, local onde tem acontecido acidentes com frequência. Ao menos uma pessoa veio a óbito no local, a vítima foi José Nildo Avelino de Barros, que tinha 44 anos e era morador do município de Capoeiras/PE.

Cerca de 20 pessoas viajavam no ônibus escolar da Prefeitura do Município de Capoeiras, o número de pessoas é impreciso, pois as vítimas são pacientes de hemodiálise e sempre andavam acompanhadas. Eles haviam acabado de saírem da cidade de Garanhuns com destino a Capoeiras, quando o motorista do ônibus perdeu o controle que causou o acidente. Na hora chovia, e isto pode ter contribuído para que o veículo planasse na pista.
Informações da prefeitura de Capoeiras são que, o veículo que normalmente transportava os pacientes, cerca de 15 deles, estava em manutenção, por este motivo o ônibus escolar foi utilizado para ir buscá-los no hospital em Garanhuns.

Segundo informações repassadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), o veículo desceu a rodovia em alta velocidade e planando, momento que desgovernou. Foi repassado também que os pneus apresentavam mau estado de conservação, o que pode ter sido a principal causa do acidente que já está sendo investigado pela Polícia Civil.

Várias viaturas do Corpo de Bombeiros, SAMU e ambulâncias da região prestaram socorro às vítimas que ficaram espalhadas dentro do mato. A princípio, todas elas foram levadas para o Hospital Regional Dom Moura em Garanhuns.
O comandante do 9º Batalhão, TC. Paulo César, esteve no local coordenando as viaturas da Polícia Militar que isolou a área até que todas as vítimas fossem socorridas.

Uma equipe da 2ª Delegacia de Polícia Civil deu início as investigações do acidente e encaminhou o corpo da vítima fatal para o Instituto de Medicina legal (IML) da cidade de Caruaru/PE. O corpo foi encaminhado através de uma funerária contratada por familiares, pois o Governo do Estado não disponibiliza dos serviços de remoção de cadáveres para esta região.
O Agreste Violento tentou entrar em contato com a Prefeita de Capoeiras Neide Reino, como em outras ocasiões a gestora não atendeu as ligações.


O ônibus envolvido no acidente faz parte do programa Caminho da Escola, criado pelo Governo Federal com o objetivo de renovar a frota de veículos escolares, garantindo segurança e qualidade ao transporte dos estudantes. (Imagens do Agreste Violento e do Blog de Arlete Santos)

URGENTE: Eike chega ao Rio e é levado pela PF

Alvo da Lava Jato, empresário diz ao embarcar em NY ser hora de passar coisas a limpo

O empresário Eike Batista, que teve a prisão preventiva decretada na Operação Eficiência, desembarcou nesta segunda (30) no aeroporto do Galeão, no Rio. Ele estava em Nova York e era considerado foragido.

Eike desceu na pista do terminal dois e foi levado de carro pelos policiais. Ainda não se sabe se ele será levado à sede da PF ou para o IML (Instituto Médico Legal), onde fará exames antes de ser preso. O presídio ainda não confirmado. (Continue lendo...)

URGENTE: Ministra Cármen Lúcia homologa 77 delações de executivos da Odebrecht, uma nova bomba na Lava Jato


A presidenta do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia, homologou nesta segunda-feira os 77 acordos de delações premiadas de executivos e ex-executivos da empreiteira Odebrecht e “acendeu” o pavio de uma bomba que deve atingir mais de uma centena de políticos de diversos partidos e governos, entre eles, representantes das gestões Michel Temer (PMDB) e Dilma Rousseff (PT).

A homologação era o elemento necessário para dar validade jurídica aos depoimentos dos empreiteiros. Ela seria feita pelo ministro Teori Zavascki, o então relator do processo no STF. Mas sua morte em um acidente de avião no último dia 19, fez com que os casos recaíssem sobre a ministra plantonista do STF neste recesso Judiciário, ou seja, a presidenta da Corte. Toda a documentação segue agora para a Procuradoria-Geral da República que, após investigações, decidirá se acusa formalmente os citados pelos empreiteiros ou se arquiva as denúncias.

Os depoimentos ainda seguem oficialmente sob sigilo. Esse segredo judicial só poderá ser quebrado se o novo relator do caso assim o determinar. O novo responsável pela Lava Jato deverá ser anunciado na próxima quarta-feira, quando os trabalhos da Corte serão oficialmente retomados. Cármen Lúcia deverá promover um sorteio para escolher o relator. Não está claro ainda se ela o fará apenas entre os quatro integrantes da 2º Turma do STF (onde Zavascki atuava) ou se entre todos os nove ministros do pleno. Por ser a presidenta, ela não pode relatar esse caso. No fim de semana, a ministra deu expediente em seu gabinete para poder dar andamento à homologação.

Apesar do segredo oficial, alguns vazamentos dão conta que os empreiteiros já teriam citado os nomes do presidente Michel Temer, dos ex-presidentes Dilma Rousseff e Luiz Inácio Lula da Silva (PT), do ministro das Relações Exteriores, José Serra (PSDB), do ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha (PMDB), do ministro do programa de privatizações, Moreira Franco (PMDB), do ministro das Ciências e Tecnologia, Gilberto Kassab (PSD), do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), do governador do Rio, Luiz Fernando Pezão (PMDB), do ex-governador fluminense Sérgio Cabral (PMDB), do senador Aécio Neves (PSDB), além dos senadores peemedebistas Renan Calheiros, Eunício Oliveira e Romero Jucá. Desde que os nomes deles apareceram no noticiário, todos negaram qualquer envolvimento ilegal com a empreiteira.

Nos rascunhos das delações premiadas os empreiteiros se comprometiam a pagar cerca de 500 milhões de reais em multas. Além disso, acordos de leniência feitos com os governos do Brasil, dos Estados Unidos e da Suíça preveem pagamentos de 6,8 bilhões de reais.

Esses são os três melhores esportes para prevenir um infarto

Corrida, natação, tênis ou dança? Saiba o que escolher se o seu objetivo é prevenir doenças cardiovasculares
El País / Rosa Lecina Fabrés

Não contamos nenhuma novidade se dizemos que o exercício físico faz bem ao coração. E não pretendemos fazer poesia: a ação protetora da atividade física contra as doenças cardiovasculares (infartos, hipertensão, doença aórtica, vascular cerebral e vascular periférica) é o segredo mais mal guardado da literatura científica. Especialmente, “se praticado a longo prazo, com intensidade moderada e se a pessoa modifica o estilo de vida fazendo com que desapareçam velhos hábitos e fatores de risco significativos como o tabagismo, a dieta ruim e o estresse”, diz Emilio Luengo, cardiologista responsável de Atividade Física do Programa de Empresas Cardiosaudáveis da Fundação Espanhola do Coração (FEC). O que até agora não era muito claro era qual esporte é o melhor para a saúde desse músculo vital. Mas já temos a resposta.

Pesquisadores do Reino Unido, Finlândia, Áustria e Austrália trabalharam em conjunto para determiná-lo, e os resultados de seu estudo foram publicados no final de 2016 no British Journal of Sports Medicine: os esportes que mais reduzem o risco de morte por culpa de uma doença do coração e de tipo vascular são, por ordem, os esportes de raquete (tênis, pádel, badminton, squash), a natação e o aeróbico intervalado (incluindo também a dança e outras disciplinas de atividade física para se manter em forma). Por outro lado, o ciclismo, a corrida, o futebol e o rúgbi não mostraram uma redução significativa das possibilidades de morrer por essa causa.

“Isso poderia ser explicado por seu padrão de exercício intervalado”, diz o doutor Carlos de Teresa, membro da Junta de Governo da Sociedade Espanhola de Medicina do Esporte. “Alternam períodos de atividade a uma certa intensidade com outros de repouso e recuperação. E é justamente esse tipo de atividade física que demonstrou efeitos mais positivos para a saúde na população em geral”, afirma o médico. Como já frisou em 2012 um estudo da Universidade Notre Dame, em Sidney (Austrália), os exercícios aeróbicos a intervalos de alta intensidade são associados “a um melhor rendimento cardiovascular e metabólico e encaixam como padrão de melhora tanto na população saudável como na de risco”.

Para Emilio Luengo, “são atividades esportivas de tempo livre e com um caráter lúdico, sem um componente especialmente competitivo; demandam um exercício aeróbico com movimento de amplos grupos musculares, mas sem uma solicitação extrema dos mesmos; e são satisfatórios do ponto de vista da inteligência emocional e social”.

Esportes de raquete: gasto energético elevado

Um estudo de 2007 realizado por pesquisadores das universidades Maastrich (Holanda) e Carolina do Norte em Chapel Hill (EUA) demonstrou que o tênis “está associado a um menor risco de doenças cardiovasculares (...), reduz a tensão arterial (...) e melhora a função cardíaca”. Tanto o tênis como o pádel, o badminton e o squash são exercícios que combinam “componentes intervalados de alta intensidade com descansos entre os pontos de jogo. Isso provoca um gasto energético elevado que contribui no controle da gordura corporal, prevenção do aumento de peso e melhora nas funcionalidades musculares. Isso, por sua vez, tem um efeito benéfico contra a obesidade e a diabetes”, diz Carlos de Teresa.

A obesidade abdominal é um dos principais problemas de saúde mundial, que “tem efeitos muito negativos à saúde: aumenta o risco de se desenvolver diabetes, gota, hipertensão arterial e, consequentemente, é também um fator de risco cardiovascular”, de acordo com a Fundação Espanhola do Coração. A raquete, portanto, é uma boa aliada para nossas artérias.

Natação: muitos músculos envolvidos

Com a natação se exercita boa parte da musculatura corporal. O especialista em medicina do esporte revela que além disso estimula, por um lado, o desenvolvimento muscular e, por outro, a coordenação neuromuscular. A nível cardiovascular, esse último efeito é fundamental, já que “se trata de uma atividade neurológica que facilita o controle da pressão arterial. Além disso, o aumento da massa muscular conseguido com a natação aumenta também o gasto energético, o que melhora o perfil lipídico (o nível de gorduras no sangue tais como o colesterol e as triglicérides) e a gordura corporal”.

Outra vantagem dessa atividade é que não produz impactos nas articulações, de modo que pode começar a ser praticada não importa a idade. A importância desse dado está no fato de que a idade é um fator de risco cardiovascular. “A prevalência e a incidência de insuficiência cardíaca duplica a cada década a partir dos 40-45 anos”, diz a FEC em sua página na Internet.

Aeróbico: boa coordenação neuromuscular

Os exercícios aeróbicos são extremamente cardiosaudáveis. Na atividade física aeróbica e na dança, da mesma forma que a natação, também ocorre uma coordenação neuromuscular positiva para nosso sistema cardiovascular. Ajuda a nos manter em um peso saudável: de acordo com essa tabela da Universidade Harvard (EUA), com 30 minutos de dança uma pessoa de 70 quilos perde 223 calorias; 260 calorias no caso de 30 minutos de exercício aeróbico moderado. Além disso, esse tipo de atividade “tem um componente lúdico, que contribui com todos os efeitos benéficos que se contrapõem aos produzidos pelo estresse”, diz de Teresa.

Em relação às disciplinas como a corrida e o ciclismo – não tão eficientes de acordo com o estudo publicado no BJSM –, o médico opina que “são exercícios magníficos para o favorecimento da saúde do coração e os vasos sanguíneos. Mas podem ver sua potencialidade reduzida por serem praticados, geralmente, a uma intensidade alta. De fato, não é incomum que corredores e ciclistas comentem que acabam suas sessões de treinamento absolutamente esgotados. Manter esse ritmo durante períodos prolongados pode produzir, a longo prazo, mais riscos do que benefícios”, alerta.

Para a obtenção de todos os benefícios do esporte e evitar potenciais riscos, é imprescindível que “a atividade esportiva se adapte às condições de idade, sexo, saúde e condição física de cada pessoa”, conclui o especialista.

AGENDA do governador Paulo Câmara desta segunda-feira, 30 de janeiro

9h - Inauguração da Estação de Bombeamento EBV-3 do Eixo Leste do PISF e assinatura da Ordem de Serviço para elaboração do projeto do Ramal do Agreste Pernambucano

Local: EBV-3 do Eixo Leste do PISF - município de Floresta

11h - Inauguração do novo Campus de Serra Talhada do Instituto Federal do Sertão Pernambucano

Local: PE-320, km4, Zona Rural - município de Serra Talhada

domingo, 29 de janeiro de 2017

Ameaças à liberdade de imprensa


A chegada de Donald Trump à Casa Branca representa a confirmação mais contundente do êxito da demagogia, do nacionalismo e das ideologias de ódio que nos últimos anos proliferaram em diferentes partes do mundo. É muito possível que a corrente não se detenha aí. Em vários países da Europa será posta à prova muito em breve a força do atual sistema de democracia liberal diante da investida de projetos igualmente extremistas, xenófobos e populistas.

O crescimento desse fenômeno coincidiu quase simultaneamente no tempo com a crise dos jornais provocada pela revolução tecnológica. Isso não significa que as mudanças políticas ocorridas nos últimos anos se expliquem exclusivamente pela perda de influência dos jornais impressos e o aparecimento dos meios de comunicação alternativos. Mas parece, sim, evidente que uma coisa e outra estão estreitamente vinculadas, e que nós, nos jornais, estamos hoje obrigados a fazer nosso trabalho com menos recursos e em um entorno político que representa uma séria ameaça à liberdade de expressão e muito particularmente à liberdade de imprensa.

Uma das características desse novo populismo em ascensão é sua hostilidade para com a imprensa, especialmente a imprensa profissional. Com o pretexto da suposta comunhão entre os meios mais consolidados e um perverso establishment, os políticos que se apresentam em defesa do povo, das pessoas, dos de baixo contra os de cima, tentam antes de mais nada esmagar a credibilidade dos jornais com o objetivo de eliminar obstáculos em seu caminho e deixar espaço a outras mídias –confidenciais, contas de redes sociais, blogs– que eles controlem e com as quais possam ter acesso, sem intermediários, a seu público, seus eleitores.

Esta estratégia se tornou brutalmente óbvia nos Estados Unidos. Em uma recente conferência em Madri, o diretor de The Washington Post, Martin Baron, detalhou a lista de impropérios que Trump havia vertido nos meses anteriores contra os meios de comunicação, de forma mais sistemática contra o seu próprio e The New York Times: “Asquerosos”, “escória”, “a forma mais baixa de vida”, “inimigos”, “lixo”. Houve mais desde que nosso colega pronunciou seu discurso.

Não foram muito diferentes os termos com que os líderes de um partido na Espanha se referiram à imprensa e a EL PAÍS em particular. Entre dezenas de calúnias e intrigas que evito enumerar para não contribuir com sua difusão –a repetição de falsidades até transformá-las em verdade é uma tática clássica–, vou mencionar unicamente a campanha no Twitter contra este jornal sob a hashtag “Máquina de Fango” (Máquina de Lama), em novembro, em resposta às informações sobre um controverso episódio de venda de moradia pública.

O propósito em todos os casos é evidente: destruído o prestígio e a credibilidade dos principais meios de comunicação, nada do que eles criticarem terá impacto entre meus seguidores. Funcionou com Trump, que conseguiu sobreviver ao escândalo de suas agressões sexuais a mulheres e que evitou até agora apresentar a declaração de renda que a imprensa lhe pediu. E funcionou com outros, que puderam ignorar, sem esclarecer, as suspeitas sobre suas fontes de financiamento.

Há muitos casos semelhantes em outros países com diferente orientação ideológica – a Polônia de Kaczynski, a Argentina de Kirchner, a Itália de Berlusconi são alguns deles—, todos com os mesmos componentes: políticos supostamente antissistema, meios de comunicação tradicionais e mídias de fácil criação na Internet que servem para difundir a propaganda, as fantasias ou, chegado o caso, as mentiras de quem quer se oferecer como alternativa ao decadente sistema em vigor.

Isto foi possível, em parte, devido aos erros dos próprios jornais. Baron afirmou que apenas 32% dos cidadãos norte-americanos dão credibilidade à imprensa de seu país, o que representa uma queda de 25 pontos desde 1999. A situação na Espanha é apenas ligeiramente melhor. No relatório de 2015 do CIS sobre o assunto, os espanhóis atribuíam aos meios de comunicação uma avaliação de 4,28 pontos sobre dez. Cerca de 15% da população não confia nunca ou quase nunca na mídia, diante de 2,5% que confia sempre ou quase sempre.

Pode-se dizer que o desprestígio que o populismo moderno tenta causar aos jornais só contribui para o o descrédito que essa mídia vem cavando por conta própria nos últimos anos. Sua proximidade excessiva do poder, sua distância dos leitores, sua endogamia e arrogância impediram às vezes que os jornais fizessem uma interpretação adequada dos fatos. Em nossa cegueira, inclusive desprezamos durante vários anos a avalanche digital que vinha em cima de nós e que acabaria por colocar em dúvida nossa existência.

Esse desafio, a transformação para um mundo digital, nos oferece gigantescas possibilidades diante do futuro. Mas também, no presente, nos tornou muito mais vulneráveis —não só em relação aos demagogos que tentam nos anular, como também diante de outros atores políticos e econômicos que tentam nos controlar—, precisamente no momento em que uma imprensa independente e forte é mais necessária do que nunca.

Não me importa insistir nos erros que os jornais cometeram e cometem todo dia. Exageros, imprecisões, frivolidades, omissões, descuidos... estão na ordem do dia de uma profissão que, além de tudo, agora se vê obrigada a trabalhar em condições de trabalho piores. Mas todos os defeitos imagináveis não são suficientes para esquecer a decisiva função de vigilância que os jornais cumprem em uma sociedade democrática. Sem eles, simplesmente estaríamos à mercê dos embusteiros e dos manipuladores.

Às vezes, pretende-se arruinar o crédito dos jornais situando-os com desprezo em um canto da história. Trata-se de apresentar a realidade como uma luta entre as ideias do passado, representadas pelos jornais tradicionais, e as novas ideias que trazem os novos meios digitais. Não é assim. O certo é que tanto The Washington Post como EL PAÍS são também os principais jornais digitais em seus respectivos mercados, e que a verdadeira batalha não é tecnológica mas profissional, não entre papel e web, mas entre quem cumpre as regras do jornalismo autêntico e quem as viola sistematicamente.

Fala-se muito atualmente em fake news, em pós-verdade. As principais redes sociais se precipitam a tomar medidas para responder a essa ameaça, conscientes de que a desaparição do valor da verdade significa simplesmente a desaparição de todos os valores que nos permitem conviver.

Na preservação desses valores, os jornais ocupam um papel determinante. Os jornais têm orientação ideológica, sem dúvida. Defendem algumas ideias e não outras, e são o reflexo de um determinado modelo de sociedade em detrimento de outros. Esse é o jogo da pluralidade. Mas os interesses dos jornais estão limitados ao fornecimento de informação veraz a seus leitores, e sua atuação está claramente marcada por um código ético que devem respeitar. Isso não deveria ser lido como simples retórica em uma época em que, simplesmente, está em jogo a democracia como a conhecemos hoje.

Donald Trump e seus imitadores em outros países não são um pesadelo do qual despertaremos logo para nos vermos no mesmo ponto em que estávamos. Esta onda de populismo e ultranacionalismo pretende transformar radicalmente o sistema político sob o qual vivemos. Se for possível, será levado adiante pela liberdade de imprensa. Por esse motivo, a liberdade de imprensa, os jornais saudáveis, rigorosos e livres são a melhor barreira que podemos oferecer.

sábado, 28 de janeiro de 2017

Secretária Explica Mal Entendido com Vereador


Secretária de Educação do Governo Izaías Régis desde o início da nova gestão, a professora Kauely Almeida, esclareceu ao blog, em conversa pelo telefone, o “mal entendido” entre ela e o vereador Cláudio Humberto Bispo, conhecido como Professor Márcio.

Conforme divulgamos logo cedo, o vereador andou se queixando nos corredores, nos gabinetes e até na cozinha da Câmara Municipal, por ter tentado conversar com a Secretária de Educação do Município sem ter conseguido. Esta só poderia recebe-lo depois do dia 13 de fevereiro, fato que o deixou aborrecido, conforme diversas pessoas puderam observar nas dependências do prédio da Casa Raimundo de Moraes.

Kauely, no entanto, explicou que o vereador não foi ao seu gabinete e sim mandou um assessor telefonar pedindo a audiência.

O telefonema foi atendido pela funcionária da Secretaria da Educação, de nome Socorro, que por conta da agenda cheia da professora Kauely explicou que ele só poderia ser atendido a partir da data citada acima.

A secretária lembrou que início de ano letivo é muito complicado e que são muitos os afazeres de todos da equipe da educação. A Rede Municipal de Ensino está sendo reorganizada, está sendo feita uma preparação da abertura das aulas e muitas pessoas procuram seu gabinete todos os dias. "Para piorar a situação, tivemos até o caso de um assalto numa escola", ressaltou.

Ela deixou claro que se o vereador mesmo tivesse ido à secretaria teria sido recebido na hora, sem nenhuma burocracia, “até porque seria uma oportunidade de conhecê-lo pessoalmente”.

Kauely Almeida fez questão de frisar que é professora e procura sempre ser educada com todas as pessoas, fazendo questão de atender todo mundo bem, seja vereador ou cidadão comum.

“Como secretária mesmo já recebi os vereadores Zaqueu, Ary, Luzia, e Marinho e hoje à tarde conversei com o próprio Professor Márcio”, revelou.

A nova Secretária de Educação disse que a partir da conversa que teve hoje com Márcio, em seu gabinete, ficou claro que tudo não passou de um “mal entendido”, que poderia ter sido evitado se ele mesmo tivesse ido antes ao seu local de trabalho.

Kauely foi muito educada na conversa com o editor do blog, deixando ótima impressão.  Não pareceu de nenhuma forma uma pessoa a quem o cargo subiu a cabeça.

Consciente de que a função que ocupa é transitória,  frisou que as novas atribuições são uma novidade em sua vida, porque está acostumada mesmo é com a sala de aula.

Enfatizou ainda que o trabalho a ser executado no Governo de Izaías Régis em sua área será feito em equipe, com uma nova proposta,  visando melhorar a qualidade de ensino em Garanhuns.

Programação de fim de semana das festividades de Nossa Senhora de Nazaré do Timbó

Igreja do Timbó / Foto do Blog do Carlos Eugênio 
O Sítio Histórico da Igreja de Nossa Senhora de Nazaré, localizado na comunidade quilombola do Timbó, distante cerca de 35 km do centro de Garanhuns, comemora neste fim de semana as festividades em homenagem a sua padroeira. 

Datada dos fins do século 18, a Igreja do Timbó, que está situada nas imediações do Distrito de Iratama, é considerada um achado histórico e detém valor arqueológico, etnográfico, histórico, arquitetônico e paisagístico, sendo o templo religioso mais antigo de Garanhuns. De acordo com documentos antigos, a origem da construção está associada a uma imagem de Nossa Senhora de Nazaré, que teria sido trazida da Bahia por um negro escravo fugido do cativeiro entre 1650 e 1700. O Escravo teria se juntado a outras famílias negras para erguerem a pequena Igreja em homenagem a Santa. A Igreja está construída num plano elevado, em tijolo artesanal.

Os organizadores das festividades são Emerson e Creusa, os quais estão à frente da Associação do Timbó. Tendo como um dos seus principais colaboradores e incentivadores o vereador Marinho da Estiva.

Sábado 

20 h - Terços Tradicionais 

21 h - Mestre Juarez do Timbó

22 h - Léo e Banda 

Domingo 

08 h - Torneio de futebol 

20 h - Terços Tradicionais 

21 h - Banda Forro do Imperador

Secretária de Educação se nega a atender vereador Professor Márcio


Eleito vereador de Garanhuns com 1.784 votos, fazendo parte da coligação que deu a vitória ao prefeito Izaías Régis (PTB), o Professor Márcio está chateado com o tratamento que recebeu na Secretaria de Educação do Município.

Segundo o vereador andou se queixando em mais de um local da Câmara Municipal, ele procurou a secretária de educação, Kauely Almeida, onde foi recebido por uma assessora desta que lhe disse o seguinte: "a titular da pasta só poderia recebê-lo, dentro de 13 dias". E mesmo assim, se ele telefonasse antes para confirmar a “audiência".


Além de vereador eleito pelo povo, Márcio é professor da rede municipal de ensino há muitos anos e se sentiu desprestigiado por sua antiga colega de trabalho.

Tá importante a nova secretária. Talvez seja mais fácil conseguir conversar com o prefeito. Haroldo, que está interino, ou Izaías, que reassume o cargo na próxima quarta-feira.

sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

Falece o decorador Mário Simões

Faleceu na manhã de hoje (27) em Garanhuns o decorador Mário Simões, irmão da professora Eliane Simões Vilar que atualmente esta como titular na secretária municipal da mulher.

De acordo com as informações recebidas pelo Blog do Cisneiros, Mário faleceu por complicações decorrentes de uma pneumonia.

Mario deixará saudades e um vazio no coração de todos que tiveram a honra e o privilegio de o ter conhecido. Um profissional competente e renomado, além de ser um ser humano iluminado, um verdadeiro espirito de luz, um ser de uma finesse e educação hoje raras. O Blog do Cisneiros se solidariza com  os familiares e amigos de Mário.

Retrato do subdesenvolvimento

O recente surto de febre amarela que atinge Minas Gerais revela mais uma faceta do caos no qual estamos afundando
Rua na periferia do Distrito Federal, centro do poder no País. / ARQUIVO/ABR

O recente surto de febre amarela que atinge Minas Gerais revela mais uma faceta do caos no qual estamos afundando. Não bastassem a corrupção desenfreada, o péssimo sistema de educação, o falido sistema de saúde, a privação do nosso direito de ir e vir devido à violência urbana, o desemprego descontrolado e o abismo que separa ricos e pobres — todos sinais exteriores de subdesenvolvimentismo —, agora temos de conviver com doenças típicas do Terceiro Mundo, resultado da falta de saneamento básico.

Conforme dados do Atlas do Saneamento Básico, mais da metade da população brasileira vive sem acesso a redes de coleta de esgoto, ou seja, mais de 100 milhões de pessoas estão expostas diariamente a inúmeras doenças, que incluem diarreia, tifo, cólera, hepatite e leptospirose. Além disso, o esgoto a céu aberto amplia de forma considerável a proliferação do Aedes aegypti, mosquito responsável pela transmissão dos vírus que provocam a dengue, a chicungunha, a zika — e também a febre amarela.

A febre amarela provocou, apenas na primeira quinzena de janeiro, 32 mortes em Minas Gerais e três em São Paulo, confirmadas pelo Ministério da Saúde, além de haver dezenas de casos suspeitos em vários estados. Em todo o ano passado, foram registrados apenas cinco óbitos resultantes da doença. Embora o surto esteja até agora limitado a áreas silvestres, cujo vetor é o mosquito Haemagogus, especialistas alertam que, como o Aedes aegypti, que encontra-se disseminado por todas as regiões do país, também pode transmitir o vírus, é grande a possibilidade de que a febre amarela chegue aos centros urbanos, o que não ocorre desde 1942. De cada 100 pacientes infectados pelo mosquito, dez apresentam infecção grave.

Em 2016, o Aedes aegypti, que fora erradicado do Brasil em 1955, infectou 1,9 milhão de pessoas, provocando 794 óbitos, segundo dados do Ministério da Saúde. Foram registrados 1,5 milhão de casos de dengue com 629 mortes, segundo maior número desde 1990, quando os dados começaram a ser compilados. A chicungunha, identificada pela primeira vez no Brasil em 2014, registrou 265 mil casos, com 150 mortes, aumento de mais de 1.000% em relação ao ano anterior, que computou 14 mortes. Já a zika, detectada por aqui em abril de 2015, registrou 214 mil casos com seis mortes.

No caso do zika vírus, apesar do número de óbitos ser pequeno, as consequências em termos de saúde pública são mais graves, devido aos problemas de má formação dos fetos. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), até outubro do ano passado o Brasil somava 2,1 mil bebês nascidos com microcefalia associada ao zika vírus, enquanto o Ministério da Saúde admitia a existência de outros três mil casos suspeitos em análise. Além da microcefalia congênita, o vírus, que tem preferência pelo sistema nervoso central, pode provocar meningite, encefalite e Síndrome de Guillain-Barré, paralisia que chega a atingir todos os músculos.

O Brasil ocupa, no contexto mundial, a 112ª posição em um ranking de saneamento básico que engloba 200 países. De acordo com estatísticas baseadas na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), as ausências de funcionários que tiveram sintomas de infecção gastrointestinal representam por ano a perda de 849 mil dias de trabalho. Estima-se que ao ano as empresas gastam 1 bilhão de reais em horas pagas não trabalhadas, dinheiro que, segundo o estudo, poderia ser revertido em investimentos e contratações. A universalização dos serviços de água e esgoto poderia reduzir em 23% o total de dias de afastamento por diarreia, diminuindo o custo das empresas em 258 milhões de reais.

A pesquisa apontou ainda que os trabalhadores sem acesso à coleta de esgoto ganham salários, em média, 10% inferiores aos daqueles com as mesmas condições de empregabilidade. Além disso, a universalização do saneamento poderia diminuir em 7% o atraso escolar, com reflexos no ganho de produtividade e aumento na remuneração futura. No entanto, a nossa realidade é outra: dados do Censo Escolar 2013, realizado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), mostram que só 36% das escolas públicas têm esgoto encanado — mais da metade delas contam apenas com uma fossa...

Parceria entre Governo de Pernambuco e Operation Walk Chicago potencializa atendimento cirúrgico em mutirão

Em visita ao Hospital Dom Helder Câmara, localizado no Cabo de Santo Agostinho - Região Metropolitana do Recife, o governador Paulo Câmara acompanhou, na tarde desta quinta-feira (26.01), o último dia do mutirão cirúrgico, promovido em parceria com a instituição americana Operation Walk. A ação, que teve início no último dia 22, realizou 38 artroplastias (cirurgia de reposição das articulações) de quadril, em pacientes usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). O chefe do Executivo estadual ressaltou que ações como essa representam bem a força e a importância das parcerias que o Governo de Pernambuco tem buscado em benefício da população.

“Estamos muito satisfeitos com o trabalho realizado por essa instituição, que atua no mundo inteiro, atendendo a população mais carente. E, para nós, é muito gratificante poder oferecer a estrutura e todo o amparo necessário para a realização desses atendimentos. O Governo e a população pernambucana agradecem a toda equipe americana do Operation Walk. Vamos sempre buscar parcerias como essa”, pontuou o governador.

Durante os cinco dias de mutirão, foram realizados 38 procedimentos cirúrgicos em pacientes que possuíam indicação de artroplastia de quadril e foram previamente selecionados pela Secretaria Estadual de Saúde. Ao todo, 60 voluntários participaram do mutirão. Nesta primeira etapa, as operações serão apenas de colocação de próteses de quadril. Contudo, uma segunda etapa, que vai contemplar pacientes com disfunção articular nos joelhos, está sendo articulada entre o Governo e a instituição para acontecer ainda este ano.

Diretora e cofundadora do Operation Walk Chicago, a Dra. Victoria Brander elogiou a equipe e a estrutura do Hospital Dom Helder Câmara. “Em 12 anos de trabalho, depois de ter passado por diferentes lugares do mundo, esse foi, sem dúvidas, o melhor. Toda a equipe que nos recebeu conseguiu antecipar as nossas necessidades, facilitando o nosso trabalho. Nos ofereceu todas as condições necessárias para a realização do nosso trabalho. Pernambuco está de parabéns”, disse.

Feliz pelo reconhecimento, Paulo Câmara afirmou que o Estado continua de portas abertas para o grupo. “Fico contente em saber que a equipe americana vai sair daqui satisfeita com o que encontraram. Pelos depoimentos que ouvimos aqui, hoje, a saúde pública de Pernambuco mostra que, apesar das dificuldades, está no caminho certo”, frisou.

Primeira paciente a ser operada no mutirão, a dona de casa Maria de Lourdes, de 52 anos, moradora de Jaboatão dos Guararapes, confessou sua nova perspectiva de vida após a cirurgia. “A realização dessa cirurgia significou tudo. Deus ouviu as minhas preces. Me operei e não senti nada. Me sinto bem. Esses americanos fazem milagre. Eu andava de bengala e agora vou voltar a ter uma vida normal, com bastante saúde”, exaltou. O mesmo sentimento de gratidão foi compartilhado por José Evaniel, de 35 anos, residente do município de Lagoa do Ouro. “Esperava essa cirurgia há 20 anos, e agora, graças a Deus, estou bem. A perspectiva de vida agora é outra”, afirmou.

O secretário estadual de Saúde, Iran Costa, parabenizou o trabalho realizado. “Tanto do ponto de vista médico quanto do ponto de vista humano, esta ação é fantástica. Estamos dando uma nova esperança e uma maior qualidade de vida para esses pacientes. Espero que essa parceria possa ser expandida, beneficiando um número cada vez maior de pernambucanos”, frisou.

Ao conhecer o projeto pela Internet, o fisioterapeuta Sandro Ramos, especialista em quadril, logo se ofereceu para voluntariar junto à equipe americana. “Eu me propus a vir para buscar mais experiência, trocar informações com profissionais que vêm de fora, com outras ideias. Eu sabia que ia ser enriquecedor para mim.  Mas, quando me deparei com essa missão linda na prática, eu vi que poderia ultrapassar a busca pelo conhecimento e colocar a mão na massa também”, afirmou.

OPERATION WALK CHICAGO - A Operation Walk é uma organização de serviços médicos voluntários, sem fins lucrativos, que oferece tratamento cirúrgico gratuito para pacientes de países em desenvolvimento, prestando serviços voluntários no tratamento para pacientes com necessidade de reposição articular. O grupo já passou por 20 países, entre eles: Cuba, Guatemala, Nepal, Nicarágua, Tanzânia, Vietnã e Honduras; realizando procedimentos em 10 mil pacientes espalhados pelo mundo.

Hoje (27), será realizado um simpósio acadêmico, no auditório da Secretaria Estadual de Saúde, que visa reunir médicos da rede estadual presentes no evento, e também, por meio de vídeo-conferência, transmitida para as doze Regionais de Saúde do Estado. Serão abordados, em debates e mesa-redonda, temas como patologias de quadril, reabilitação e gerenciamento da dor.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Garanhuns adota protocolo de vacinação para febre amarela

Diante do maior surto de febre amarela em 14 anos no Brasil, o Governo Municipal, por meio da Secretaria de Saúde adotou medidas para a vacinação de pessoas que vão precisar se deslocar até as Áreas Com Recomendação de Vacina (ACRV). Apesar de Garanhuns não fazer parte deste grupo de cidades, as medidas do Programa Nacional Imunização (PNI) seguem sendo adotadas, para que seja evitada a circulação do vírus pelo país. 

A doença é transmitida pelo mosquito aedes aegypti e possui uma disseminação em potencial nas áreas urbanas. O Ministério da Saúde disponibilizou mais de 650 mil doses da vacina de febre amarela por todo país, como rotina de abastecimento do Calendário Nacional de Vacinação, em janeiro. Além dessas doses rotineiras, um total de 4,6 milhões de doses extras foram enviadas aos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia e São Paulo; além do Distrito Federal que vêm apresentando número anormal de casos.

Em Garanhuns, a vacina está disponível no Centro de Especialidades de Saúde da Mulher e da Criança (Cesmuc), que fica localizado na avenida Simoa Gomes — ao lado do prédio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), sempre das 9h às 15h. Sendo exclusiva para aqueles que vão viajar até às áreas de risco e que ainda não foram vacinados. A dose deve ser tomada com dez dias de antecedência da viagem e imuniza durante o período de dez anos.

A coordenadora do PNI, em Garanhuns, destaca que não há a necessidade de preocupação, já que Pernambuco não apresentou nenhum registro de ocorrência da febre amarela. “Essa é uma doença que sempre existiu e casos no Brasil acontecem desde 1942. Porém, o nosso município não é uma área endêmica; de forma que não existe necessidade para uma campanha de vacinação em massa”, destacou Luciana Andrade.

Secretaria de Educação promove I Reunião de Equipes Gestoras

Para acolher os gestores escolares, coordenadores pedagógicos e secretários escolares da rede municipal de ensino de Garanhuns, a Secretaria de Educação promoveu ontem (25) a I Reunião de Equipes Gestoras. O momento foi idealizado para proporcionar motivação e integração entre as equipes; a troca de informações entre os setores, no que diz respeito às ações; além de traçar estratégias para superação de problemas.

“Educação se faz com parcerias, por isso elaboramos um encontro bem dinâmico onde conseguimos apresentar a equipe e expor a nova formatação de trabalho dos núcleos administrativo, financeiro e de ensino da Secretaria”, explicou a secretária de educação, Kauely Almeida.

A programação do encontro contou com a temática “Educando com afeto” e “Orientações para o núcleo de alimentação”. O encontro de Equipes Gestoras possibilitou o planejamento para 2017 com o intuito de contribuir com a qualidade do ensino em Garanhuns.

NOTA DE ESCLARECIMENTO – TRANSPORTE ALTERNATIVO DE PASSAGEIROS

A AMSTT vem por meio de nota, esclarecer algumas reclamações e denúncias que estão sendo veiculadas a respeito da fiscalização de transportes alternativos de passageiros:

1 - Por recomendação do Ministério Público de Pernambuco, a Autarquia está cumprindo a fiscalização dos transportes com o objetivo de coibir o embarque e desembarque de passageiros dentro do perímetro urbano do município, o que é estritamente uma atividade dos serviços de transportes licenciados (ônibus, táxis e moto taxistas);

2 - Após a entrada no município, os transportes alternativos só têm permissão de efetuar o desembarque de passageiros nos pontos específicos de parada de cada cidade;

3 - Transitar efetuando transporte remunerado de pessoas quando não licenciado para este fim é infração do tipo média, com multa no valor de R$ 130,16, segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Em Garanhuns, a fiscalização efetiva será efetuada a partir de 01 de fevereiro;

4 - Em reunião na manhã de ontem (25), com representantes dos taxistas, dos moto taxistas e da Associação dos Motoristas de Transporte Alternativo de Garanhuns, a AMSTT possibilitou o diálogo entre as categorias. Na oportunidade ficou acordado que se fazia legal e correto o cumprimento da fiscalização e a regularização das atividades.

A AMSTT permanece disponível para qualquer esclarecimento com as categorias, com a sociedade civil e a imprensa de Garanhuns.

Limpeza de barreiros tem início na zona rural de Garanhuns

A dificuldade de lidar com a estiagem prolongada já é histórica em Pernambuco, mas em Garanhuns o Governo Municipal está buscando alternativas para auxiliar os produtores rurais. Uma das ações começou nesta segunda-feira (23), com a limpeza de barreiros realizada pela Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente. A primeira comunidade a receber o serviço é a Riacho Fundo, a 18 km da sede, mas toda a região está no planejamento da Secretaria. A primeira etapa do trabalho deverá seguir pelos próximos 15 dias.

Para o senhor José Feitosa Dias, de 75 anos, que há 50 vive no Riacho Fundo, essa é a pior seca que já testemunhou, mas ele já se preparava para as chuvas que prevê, estarem chegando. “Gostei muito do serviço. Quem estava sofrendo como eu estava limpando de mão e sozinho sem ter uma ajuda e achar quem me dê uma ajuda, desafio uma riqueza maior do mundo. Esperando agora somente as vontades de Deus para encher”, diz. O agricultor lembra que há algum tempo os vizinhos se uniram para alugar 10 horas de trabalho de uma máquina, mas não foi suficiente e eles não tinham mais condições financeiras para outro aluguel.

O secretário titular da pasta, João Paulo Sobral, afirma que a intenção é auxiliar quem não pode pagar, mas precisa do serviço para aproveitar alguma precipitação de chuvas. “Estamos fazendo a limpeza, retirando a lama e fazendo retoques nos paredões. Faremos o máximo de propriedades possíveis. Também virá a outra retroescavadeira para agilizar o serviço. Eles poderão captar mais água e ter um reservatório com água limpa para uso próprio e para os animais”, explica. O trabalho da Secretaria continuará nas comunidades de Bravos, Furnas e Buraco D’água.

OAB-PE garante à primeira advogada trans do Norte e Nordeste uso de nome social

A OAB-PE garantirá à primeira advogada trans do Norte e Nordeste o uso de nome social na carteira da Ordem. No próximo dia 30 de janeiro, Robeyoncé Lima receberá certificado que assegura direito previsto na resolução nº 5 de 2016 do Conselho Federal da OAB (CFOAB). A advogada tem 28 anos e foi aprovada no Exame da OAB-PE em 2016. Ela foi a primeira aluna da Faculdade de Direito do Recife a solicitar o uso do nome social.

A entrega do certificado será feita pelo presidente da OAB-PE, Ronnie Duarte, e pela presidente da Comissão de Diversidade Sexual e Gênero, Maria Goretti Soares, no auditório da instituição, às 18h. Com o ato, a OAB-PE assegura que todos os advogados e advogadas transexuais e travestis de Pernambuco não sofrerão qualquer constrangimento para exercer a profissão sendo identificada com o nome com o qual se reconhece.

O evento contará com representantes de diversos movimentos sociais e palestra de Robeyoncé. Em sua apresentação, ela abordará a importância da conquista do uso do nome social para mulheres e homens trans. “Eu me sinto feliz porque é um reconhecimento do direito de ser chamada de acordo com minha identidade de gênero. O nome social reconhecido pela OAB é algo gratificante, pois o documento é oficialmente reconhecido e vai ser um alívio mostrar a carteira de advogada sem ter vergonha”, diz.

"Este é um momento histórico que reforça o compromisso da OAB com todas as cidadãs e todos os cidadãos brasileiros, em cumprimento aos preceitos da Constituição Federal de 1988 quanto aos direitos fundamentais da pessoa humana. Direitos que as pessoas LGBT, como cidadãs que são, já têm e que alguns segmentos ainda insistem em negar", ressalta Maria Goretti Soares, presidente da Comissão de Diversidade Sexual e Gênero. "Exercer a profissão utilizando o nome com o qual se identifica é ver assegurado o direito humano de ser quem é e ser respeitado por isso", acrescenta.

NOTA: Dr. Ulisses Pereira

Dr. Ulisses Pereira

Estou presidindo a Junta Médica Especial do Município de Garanhuns, para a admissão dos novos serviços públicos convocados, aprovados no último concurso público, uma missão confiada a mim pelo prefeito Izaías Régis, que tenho desempenhado com a competência e trabalho que pautam minha vida! Ontem e hoje, ainda mais feliz, por aprovar em saúde os novos professores desta terra que me acolheu! ( Em tempo, louvo o trabalho do Professor Carlos Livino, Dra. Lysbelle Tenório, Déa, Rafaelle, nossas Técnicas de Enfermagem e o auxílio de Uriel Yanomane). / Nota publicada, originalmente, em sua página no Facebook.

Lava-Jato teme por apurações no MP paulista

Valor.com

Investigadores da Operação Lava-Jato reconhecem, reservadamente, um temor de que os indícios de irregularidades em contratos da Odebrecht com as administrações municipal e estadual de São Paulo, revelados por delatores do grupo, não sejam investigados a fundo pelo Ministério Público estadual paulista (MP-SP). Além das delações, o acordo de leniência do conglomerado também levará a novas investigações de competência estadual para apurar desvios em obras de rodovias, saneamento e de construção de estádios de futebol.

"O problema do Pacto é a ausência do governador na gestão da segurança", afirma Armando

Ao analisar recentes declarações do sociólogo José Luiz Ratton sobre a derrocada do programa estadual Pacto Pela Vida, o senador Armando Monteiro (PTB) aponta que o principal problema do programa é a ausência do governador na gestão da segurança pública. O líder petebista destaca que a avaliação de Ratton ratifica com o sentimento da população pernambucana, que, nos últimos anos, vem sentindo cada vez mais a insegurança bater à porta e teme sair às ruas, devido ao recrudescimento dos índices de homicídios em todas as regiões do Estado.

“Um dos principais idealizadores do Pacto pela Vida, José Luiz Ratton, confirma o que todo pernambucano já vem sentindo há muito tempo. O desmonte do programa Pacto Pela Vida não é causado pela crise econômica, como afirma o Governo de Pernambuco: o principal problema é a ausência do governador na gestão da segurança pública", afirma Armando Monteiro, fazendo referência a declarações concedidas por Luiz Ratton ao jornal Valor Econômico desta quarta-feira (25).

Ao Valor, o sociólogo afirma que o problema do Pacto Pela Vida "é anterior à crise econômica" que abateu Pernambuco, conforme alega o Governo do Estado, ao justificar a derrocada do programa de segurança pública. Ratton foi um dos idealizadores do Pacto e foi assessor especial de segurança durante os anos de 2007 a 2012.

Segundo o senador, ao se analisar o balanço da criminalidade em Pernambuco nos últimos três anos, fica claro o completo retrocesso do programa de segurança pública, com aumento de 44% no número de homicídios e a volta aos patamares do ano de 2007, quando o programa foi implantado. "No Nordeste, estados como Alagoas, Ceará, Sergipe e Rio Grande do Norte tiveram melhor desempenho em 2015. A derrocada do Pacto pela Vida chama a atenção do Brasil. O que seria esperança em termos de modelo se transforma numa desilusão”, lamenta Armando Monteiro.

O senador critica ainda o fato de o investimento em segurança este ano, considerando a inflação, ser proporcionalmente menor do que o ano passado. “Em Pernambuco, o ajuste fiscal tem sido feito com corte em áreas essenciais, e com sacrifício da população”, conclui.

Representantes do Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica) participam de cerimônia de posse

Carla de Zé de Vilaço, Haroldo Vicente, Célia Sobral e Aparecida Oliveira
A posse dos conselheiros que farão parte do Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente (Comdica) durante o biênio 2017-2019 foi realizada durante esta quarta-feira (25) na Casa dos Conselhos, em Garanhuns. Estiveram presentes, o prefeito em exercício, Haroldo Vicente, a presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Carla Vilaça, e a secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Maria Célia Sobral e a antiga Presidente do Comdica, Aparecida Oliveira.

Por volta das 9h, a cerimônia foi iniciada com o discurso do prefeito Haroldo Vicente, que destacou a parceria do Governo Municipal de Garanhuns com os conselhos e a sociedade civil. “O município de Garanhuns está aberto a conversar com os conselheiros, de cada um dos conselhos que existem no município. É muito importante o fortalecimento desses organismos”, comentou.

A formação do Comdica é reestruturada a cada dois anos. No dia 22 de dezembro de 2016, foi realizada uma votação que elegeu o grupo que constituirá o biênio 2017-2019. O Conselho Municipal de Direitos da Criança e do Adolescente é constituído por representantes governamentais, por meio das Secretarias de Assistência Social e Direitos Humanos, Finanças, Educação, Turismo e Cultura, Juventude, Esportes e Lazer e a Secretaria de Saúde. A sociedade civil é representada pela Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) e pelo Núcleo de Apoio ao Desenvolvimento Social de Garanhuns (Nadesg). No novo biênio, foram adicionados aos representantes da sociedade civil a Associação dos Deficientes Visuais do Agreste Meridional de Pernambuco (Advampe), a Creche Santa Terezinha, a Creche Santa Clara e a Creche Bethesda. 

“Agradeço aos antigos conselheiros e dou as boas vindas às entidades que estão vindo para somar com os órgãos do governo. O município sem a sociedade civil não é nada. Participar de um conselho é um trabalho muito sério, temos que dar prioridade absoluta. A demanda é grande e eu sei que vamos ter muito trabalho, mas estou aqui para trabalhar e pedir o apoio de vocês e me disponibilizar a todos. Vejo no olhar de vocês muita vontade e seriedade”, afirmou a secretária de Assistência Social e Direitos Humanos, Célia Sobral, durante seu discurso no evento de posse dos conselheiros.  

A psicóloga Yacy Novaes, representante no Conselho, da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, foi eleita a nova presidente do Comdica. Yacy já trabalhou em diversos âmbitos na área da criança e do adolescente, sendo coordenadora do Serviço de Proteção Social à Adolescentes em Cumprimento de Medidas Socioeducativas do Centro de Referência Especializado da Assistência Social (Creas) e atualmente, é gerente de Divisão de Proteção Social Especial. “Fiquei emocionada pela grandiosidade do trabalho. Trabalhar com crianças e adolescentes é prioridade, é amor e é respeito. É a vontade de fazer uma Garanhuns e um Brasil melhor. O lugar da criança e do adolescente é na escola e morando em lugares onde tenha saneamento básico e uma estrutura para sua família se edificar. Aqui estou como pessoa que gosta de trabalhar com crianças e adolescentes. Quero deixar minha gratidão a todos”, comentou a nova presidente do biênio 2017-2019.

Representantes – Os representantes governamentais do Biênio 2017-2019 escolhidos foram: Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos – Titular: Yacy Novaes; Suplente: Gleyslaine Silva; Secretaria de Finanças – Titular: Hely Pedrosa Filho; Suplente: Ayane Leite; Secretaria de Educação – Titular: Jaqueline Marinho; Suplente: Simone Pimentel; Secretaria de Turismo e Cultura – Titular: Neile Barros; Suplente: Clebson Cavalcanti; Secretaria de Juventude, Esportes e Lazer – Titular: José Amirton Junior; Suplente: Adeilson da Silva; Secretaria de Saúde – Titular: Anna Carolina Costa; Suplente: Renata Medeiros; 

Representantes da Sociedade Civil: Apae – Titular: Ana Maria Melo; Suplente: Vilma Figueiredo; Advampe – Titular: Josó Juca Filho; Suplente: Antônio Vilaça Sobrinho; Creche Santa Terezinha – Titular: Edjane Gomes; Suplente: Nelson da Silva; Nadesg – Titular: Mirtes Santos; Suplente: Heloisa da Silva; Creche Santa Clara (Nustacaf) – Titular: Romildo Soares; Suplente: Edna Vieira; Creche Bethesda – Titular: Lindinaldo Castor; Suplente: Marisa Ferrer.

Garanhuns apresenta redução no índice de infestação do mosquito Aedes Aegypti

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Programa Municipal de Combate à Dengue (PNCD-GUS), divulgou os números do Levantamento de Índice Rápido de Infestação Predial do Aedes Aegypti (LIRAa). O índice geral de 7,9% aponta que houve uma redução no percentual de infestação na cidade. Este número segue uma tendência de decréscimo anual, apresentando um percentual expressivamente menor do que o obtido no ano passado, quando o índice foi de 9,3% registrado no primeiro LIRAa. Os números estão ligados à quantidade de larvas do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, febre chikungunya e zika vírus, encontrados em pesquisa amostral.

Levando em consideração os resultados atingidos, a expectativa é de que ocorra uma reversão à níveis que garantam a segurança da população de Garanhuns com relação às doenças. Além disso, os números comprovam a eficácia do combate ao mosquito através do trabalho desenvolvido pelos agentes de endemias e de toda equipe engajada. Apesar dos bons resultados em relação às pesquisas anteriores, algumas localidades apresentaram um índice de infestação expressivo, como os bairros de Heliópolis, com 12,5% e São José, com 9,3%.

Com o objetivo de reduzir esse percentual, o setor de epidemiologia segue alinhado com a Assistência Básica e com as demais unidades de saúde públicas e privadas para, sempre que necessário, acionar a Diretoria de Vigilância em Saúde e a Coordenação do Programa de Combate à Dengue visando providenciar medidas de bloqueio caso comecem a surgir novos casos destas viroses, principalmente com o uso dos equipamentos de Ultra Baixo Volume (UBV) costais — bombas costais motorizadas que servem para a aplicação de substâncias inseticidas.

Outra estratégia desenvolvida para evitar a proliferação do agente transmissor é a distribuição de peixes ornamentais da espécie Poecilia reticulata, conhecidos como “guppy” ou “barrigudinho”. Para isso, foram construídos dois tanques criatórios, que já  estão povoados com os primeiros reprodutores e matrizes, todos em fase de ampla reprodução.  Estes peixes serão estrategicamente distribuídos para a comunidade para serem colocados em caixas d’água desprovidas de tampas, bem como tonéis, tanques e outros depósitos que estejam na mesma situação.

O secretário de Saúde, Alfredo de Gois, orienta que sabendo-se que mais de 90% dos focos encontram-se dentro dos domicílios, é essencial que a população continue engajada no combate ao Aedes, eliminando os ambientes propícios para a multiplicação do mosquito. Principalmente em períodos associados ao aumento da temperatura e a possibilidade de acúmulo de águas decorrentes das chuvas de verão. “Começamos este ano com um índice favorável em relação ao ano passado, o que mostra que estamos no caminho certo. Ainda assim, vamos continuar intensificando a atuação dos agentes de endemias, sempre em parceria com os outros órgãos de combate à dengue e com a população, tendo o objetivo de reduzir ao máximo a incidência destes casos em nosso município”, afirma.