sábado, 15 de julho de 2017

No PE em Ação, Bezerra sai em defesa de Lula

Senador Fernando Bezerra Coelho (PSB) durante discurso na rodada do Pernambuco em Ação, em Petrolina / Foto: Ivaldo Reges/Divulgação

Ex-ministro da Integração Nacional do governo Dilma Rousseff (PT), o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB) fez uma forte defesa do ex-presidente Lula (PT), nesta sexta-feira (14). Em discurso emocionado durante a rodada do Pernambuco em Ação em Petrolina, no Sertão do São Francisco, o socialista prestou solidariedade ao líder petista, condenado na última quarta-feira (12) a nove anos e seis meses pelo juiz Sergio Moro.

"Temos que evitar decisões radicalizadas. Queria prestar minha solidariedade ao ex-presidente Lula. Merece meu respeito", disse Bezerra Coelho, na cidade que é reduto eleitoral do socialista. "Não quero me colocar como juiz, mas essa decisão eu tenho plena certeza de que ele não será condenado. Desta, ele não será", afirmou.

O socialista lembrou dos investimentos do ex-presidente no município sertanejo. "Aqui em Petrolina, onde ele fez tantos investimentos, eu não poderia, como filho da terra, mesmo que a gente esteja em campos opostos, mesmo responsabilizando ele pelo maior desastre político que o País já viu, de prestar minha solidariedade", declarou o parlamentar. "Não estaria confortável se na minha terra não pudesse dar uma palavra em nome de quem viabilizou o polo automotivo de Pernambuco, a refinaria, os estaleiros, a Univasf e as Escolas Técnicas pelo interior do Estado. Força Lula. Vamos divergir, vamos nos enfrentar, mas na política”, afirmou o senador.

Durante o discurso, Fernando Bezerra Coelho ainda criticou a atuação do Judiciário e disse que a crise política será vencida pela política. "Força, presidente Lula. Não vamos vencer a crise política criminalizando a política, vamos vencer a crise política pela política", afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário