terça-feira, 18 de abril de 2017

CÂMARA ENVIA NOTA SOBRE AUSÊNCIA DE ARY DO TRABALHO PARA PARTICIPAR DE CAVALGADA

Depois da polêmica gerada com a denuncia feita em primeira mão pelo blog V&C Garanhuns (Clique aqui e veja), em torno da viagem em uma cavalgada que já dura mais de 20 dias, dia 26 próximo completam 30 dias, do vereador José Ary Souto Leal Junior (PTB), o qual, que, por este motivo, vem se ausentando de suas atividades na Câmara de Vereadores de Garanhuns, a Presidente da casa, a vereadora Carla de Zé de Vilaço, veio a público, através de nota enviada a imprensa, afirmar que serão adotadas ações administrativas em face da ausência de Ary de suas atividades parlamentares por período superior a 20 (vinte) dias.

Só que quando a câmara emite uma nota afirmando que serão adotadas ações administrativas em face da ausência do vereador Ary Jr. de suas atividades por mais de 20 (vinte) dias, se pressupõe que dos 30 (Trinta) dias corridos do mês, o vereador teria descontado dos seus R$ 12.661,12 (Doze mil, seiscentos e sessenta e um reais e doze centavos), que são seus rendimentos como vereador, mais da metade do seu salário, do seu subsidio, ou melhor, como são mais de vinte dias, seriam na verdade descontados quase que a totalidade do seu subsidio, correto? Errado, pois as normas internas da câmara não são regidas pela CLT, como todo trabalhador do País, e sim pelo seu regimento interno, o qual diz que só serão descontados dos seus rendimentos os dias de reunião ordinárias faltadas, isso mesmo que vocês leram, só serão descontados os dias faltados as sessões semanais, que acontece só uma vez por semana.


O vereador Ary Jr. na cavalgada, o vereador é o que esta sentado. Foto da sua página oficial no Facebook.
Como o vereador até aqui faltou a três sessões, em três semanas já de ausência do seu trabalho, serão descontados só três dias de rendimentos, como o valor do dia é 1/30 do salário, cada dia do vereador custa ao contribuinte R$ 422,04 (Quatrocentos e vinte dois reais e quatro centavos), dando o valor total a ser descontado de R$ 1.266,12 (Hum mil, duzentos e sessenta e seis reais e doze centavos).

Caso o vereador não chegue a tempo até a sessão de amanhã, então serão descontados quatro dias, totalizando R$ 1.688,16 (Hum mil, seiscentos e oitenta e oito reais e dezesseis centavos).

Valores estes a serem descontados que o site da Globo o G1 Caruaru (Clique aqui e veja) errou ao deduzir pela nota emitida pela câmara dos vereadores que seriam descontados mais de vinte dias de falta ao trabalho.

Então só para deixar claro para os nossos leitores, são mais de 20 dias, quase um mês até agora de ausência de suas atividades parlamentares, do seu trabalho, mas serão só três ou quatro dias de desconto no salário.

Veja abaixo a nota completa da câmara dos vereadores a respeito:

A Câmara de Vereadores de Garanhuns, através da sua Presidente, vereadora Carla de Zé de Vilaço, vem a público esclarecer as ações administrativas a serem adotadas em face da ausência do vereador José Ary Souto Leal Junior (PTB) de suas atividades parlamentares por período superior a 20 (vinte) dias.

Apesar de sua ausência ter sido informada anteriormente aos demais colegas parlamentares, a Casa Raimundo de Moraes segue, de forma coerente e como já é de conhecimento do referido Vereador, o Regimento Interno Institucional. Sendo assim, em virtude de sua falta nas reuniões ordinárias e das comissões ficou definido que seus vencimentos financeiros serão suspensos no período correspondente ao afastamento do Parlamentar.

Ressalta-se ainda que, de acordo com informações do departamento Jurídico da Câmara, o Regimento Interno da Casa determina que os suplentes sejam convocados apenas quando o período de ausência seja superior a 60 (sessenta) dias, o que não ocorreu neste Caso em questão.

Carla Patrícia Gomes de Oliveira
Presidente

Veja ainda abaixo postagem na página oficial no Facebook da ACG Garanhuns informando sobre a data de início e encerramento da cavalgada em questão. Clique na imagem para ampliar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário