quarta-feira, 24 de julho de 2013

Palco Instrumental: Boa música e beleza no Ruber Vander Linden

Frio, flores e lua cheia. Elementos perfeitos que compõem a cena de um dos ambientes mais charmosos do Festival de Inverno de Garanhuns, o Polo Instrumental. A estrutura que abriga os artistas ganha mais atenção, pelo bucolismo do espaço, localizado no Parque Ruber Vander Linden, também conhecido como Pau Pombo. Boas atrações e o belo cenário, que exala total romantismo e promove o encanto entre os turistas atraídos pelo Festival.

Acompanhado de sua banda, o garanhuense Nildo Bass mostrou talento ao dedilhar o contrabaixo e saiu sob aplausos. É que o instrumento enriquece o som, por se assemelhar ao piano, segundo o próprio artista. “Nele tem ritmo, harmonia e melodia”, destacou o músico que vive da arte há 11 anos. “É um som bonito e agradável em um espaço lindo e aconchegante”, declarou a turista Bethânia Costa, que veio da cidade de Flores, no Sertão pernambucano, em visita ao ambiente pela primeira vez.

A exuberância do espaço é um convite ao vinho, ao chocolate quente, à conversa mais aproximada e aos abraços entre os casais expectadores do evento, que em geral também aproveitam para levar os filhos em período de férias. No sexto dia do FIG, a seleta plateia já curte a quinta noite instrumental, que sempre encerra as apresentações às 20 horas, possibilitando assim, que outros polos de animação do evento também sejam visitados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário