(87) 9.8141.4000

(87) 9.8141.4000

quinta-feira, 11 de julho de 2013

Governo do Estado garante a recuperação de mais uma rodovia no Sertão

O governador Eduardo Campos autorizou, na manhã desta quinta-feira (11/07), autorizou o início da obra de restauro de 18 quilômetros da PE-507, no trecho Salgueiro/Serrita, ambos no Sertão Central. A rodovia é uma importante conexão com a BR-232, sendo responsável pelo escoamento de mercadorias do Interior para a Região Metropolitana. O investimento para execução do restauro, que começa dentro de 20 dias, ficou na casa dos R$ 11 milhões. “Essa rodovia recuperada representa mais conforto e segurança para população”, destacou Eduardo.

Durante a solenidade, que aconteceu no Centro de Atividades Econômicas de Serrita, o governador ressaltou a preocupação da sua gestão com a malha viária do Estado. “Cerca de dois mil quilômetros de estradas pernambucanas foram restauradas ou refeitas ao longo desses seis anos”, recordou Eduardo, explicando que essas ligações são fundamentais para aquecer a economia e promover o crescimento. A obra será executada pela CM Construções e terá um prazo de 12 meses para ser finalizada.

O secretário de Transportes, Isaltino Nascimento, lembrou que o município também vai lucrar com o ISS da obra, ou seja, 5% do valor do investimento fica para Serrita. “É importante ressaltar que os moradores da região terão prioridade da contratação”, adiantou o secretário. O prefeito da cidade, Carlos Cecílio, agradeceu o empenho do Governo com o município. “Com os recursos do recém-liberado Fundo de Apoio aos Municípios, a prefeitura vai concluir a pavimentação das principais avenidas da cidade”, disse o gestor.  

MANIFESTAÇÃO  – Após a solenidade, o governador recebeu reivindicações de um grupo de moradores preocupados com a saúde pública da região. Eduardo garantiu que vai encontrar uma solução para o caso e acabou aplaudido pelo gesto. “Um governante tem que estar presente nos momentos bons e também nos momentos de dificuldades”, finalizou o governador.

Nenhum comentário:

Postar um comentário