quinta-feira, 6 de junho de 2013

Assistência Social conclui curso de reciclagem

Na manhã desta terça-feira (28), a Secretaria de Assistência Social realizou o encerramento do curso de reciclagem para pessoas com deficiência. O evento aconteceu na Escola Dom Juvêncio de Brito, onde as aulas era realizadas. Mais de 30 crianças, adolescentes e adultos participaram na ação.

Com 44 anos de idade, a dona de casa Marluce da Silva, é deficiente física. Ela foi uma das participantes da oficina. Perguntada sobre o que achou dos dias de aulas, ela foi direta e respondeu entusiasmada: “Foi muito interessante, eu não conhecia. É uma coisa de primeira qualidade. O curso me ajudou muito. Eu não estava fazendo quase nada em casa. Vou levar para minha casa, para outras pessoas da minha comunidade, também”.


O diretor da instituição, Aldemir Fernandes, agradeceu a parceria e atenção dos envolvidos no gesto de cidadania. “É um prazer imenso estar fazendo parte deste processo. Hoje, temos cerca de 70 alunos especiais. E essa oficina traz um novo olhar, um cuidado especial de valorização às pessoas”, afirmou.

A diretora de Apoio à Pessoa com Deficiência, Betânia Monteiro, falou do trabalho desenvolvido. “Todos que integram a secretaria estão felizes com o progresso dos participantes. Conseguimos formar mais jovens, conseguimos incentivá-los para uma das coisas mais bonitas na vida: a arte de fazer essas belas peças”, concluiu.


De acordo com a secretária de Assistência Social, Célia Sobral, as ações não terminam por aqui. “O que gostamos de ver é o sorriso no rosto de todos vocês. Obrigado pelo acolhimento da escola, dos professores, do instrutor, de todos os envolvidos. Sem vocês, nada disso seria possível. Nosso trabalho se resume à uma assistência social que dê valor às pessoas e as estimulem a conhecer suas habilidades. Meu muito obrigado, mesmo”, enfatizou.


Quem também participou da cerimônia foi a primeira-dama do município, Socorro Régis. A convidada falou da importância das metas traçadas e do empenho da Secretaria de Assistência Social. “Nosso trabalho é para atender as necessidades do povo. Com planejamento, pretendemos continuar desenvolvendo oficinas e outros cursos que instiguem a participação do povo. E parabéns a todas as crianças, adolescentes e adultos que criaram essas belas obras”, concluiu.


Histórico – O suporte, no curso, que durou duas semanas, foi feito por uma equipe formada por instrutor, intérprete e dois professores. Os participantes produziram objetos de decoração reutilizando páginas de materiais impressos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário