quinta-feira, 26 de abril de 2012

Garanhuns vivencia Dia Nacional de Prevenção e Combate a Hipertensão


Garanhuns vivencia nesta quinta-feira, dia 26, o Dia Nacional de Prevenção e Combate a Hipertensão, em todas as Unidades de Saúde Municipal e no Espaço Colunata, localizado na Avenida Santo Antônio, de 8 às 12 horas. Diversas ações, como: palestras sobre a alimentação e exercícios físicos; aferição da pressão arterial, vídeo informação, encaminhamento médico dos casos necessários e apresentação do Grupo de Saúde da Cohab 2, Boa Vista e Aloízio Pinto, serão realizadas.

Estarão envolvidos no evento, Agentes Comunitários de Saúde, Técnicos de Enfermagem, Enfermeiras, Nutricionistas, Psicólogos, Professores de Educação Física, Médicos; além do Grupo dos Idosos da Geração Saúde – Núcleo de Assistência a Saúde da Família-NASF e estudantes convidados, oriundos da Escola Estadual Gabriela Mistral, bem como da Escola Municipal João Pessoa.

O evento executado pela Prefeitura de Garanhuns, através da Secretaria de Saúde, objetiva identificar novos casos de Hipertensão, principalmente na área infanto-juvenil e adultos do sexo masculino. A ação também visa alertar para a prevenção a partir de melhores hábitos alimentares e ainda destaca a importância da prática de exercícios físicos.

PRESSÃO ALTA - A hipertensão arterial atinge hoje mais de 30 milhões de pessoas em todo o Brasil. Só em Garanhuns, atualmente a doença atinge 9.151 pessoas. Sendo 6.786 do sexo feminino e 2.365 do sexo masculino. Um dado preocupante e que merece atenção e cuidados quanto a hábitos diários mais saudáveis. Hereditariedade, obesidade, estresse, sal em excesso e má alimentação são fatores determinantes para o desenvolvimento da doença. A pressão considerada normal é aquela que, na média, é igual ou inferior a 12 por 8.

A hipertensão arterial acontece quando os valores das pressões máxima e mínima são iguais ou ultrapassam 14 por 9. Após os 55 anos, mesmo as pessoas com pressão arterial normal têm 50% de chance de desenvolver o problema. “Cumprimos o nosso objetivo quando as pessoas percebam os benefícios de manter uma pressão normal e, caso descubram o problema, não abandonem o tratamento”, destaca o Coordenador de Educação Permanente, Eliel Duarte.

Nenhum comentário:

Postar um comentário