domingo, 29 de janeiro de 2012

Givaldo Calado de Freitas (PSB) manda nota ao jornalista Inaldo Sampaio em resposta a artigo publicado na coluna Fogo Cruzado do último sábado (28)

Inaldo Sampaio

*Givaldo Calado de Freitas

Estimado Inaldo Sampaio, 

Estivemos reunidos, nós da Comissão Provisória do PSB de Garanhuns, com o Diretório Regional do PSB, aí no Recife, na última quinta-feira.

A reunião foi civilizada. Eu, pessoalmente, entrei frio e saí gelado, sem nenhuma contrariedade, portanto.

Quando o Presidente Estadual do PSB, Sileno Guedes, deu a entender que a escolha do candidato socialista na sucessão municipal em Garanhuns estaria decidida em torno do nome do Prefeito de Lajedo, ponderei, democraticamente, que esta escolha teria que passar por uma pesquisa junto à população de Garanhuns, para saber qual o nome deveria ser o candidato a Prefeito pelo PSB.

A resposta da direção foi a mais estapafúrdia possível: “não há mais tempo para se ouvir a população”.

Eu, no entanto, argumentei: a eleição só será em outubro. O Congresso do PSB para escolha de candidatos à Prefeito, só acontecerá no período de 10 a 30 de junho.

Portanto, se decidirmos, agora, pela pesquisa, na próxima semana ela estará em campo, e, na outra semana, estaremos novamente reunidos, a analisá-la. Afirmei ainda que se o nome do Prefeito de Lajedo for o escolhido pela população garanhuense, eu seria o primeiro a apoiá-lo – não sei ir contra o povo.

Aprendi com Dr. Arraes, quando dizia deixe o povo decidir. No entanto, se o escolhido for o meu nome, ou qualquer outro nome do Partido, em Garanhuns, espero que a Executiva Estadual venha também a fazê-lo.

Cumpre ressaltar, também que, em instante algum, nenhum membro da Comissão Provisória de Garanhuns se submeteu a qualquer decisão autoritária, nem a muito menos a qualquer “ponto final”.

Da reunião saí direto para o Palácio do Campo das Princesas, onde destinei carta para o Presidente Nacional do PSB, Governador Eduardo Campos, em que coloco que ele sempre foi defensor intransigente dos postulados democráticos, e que entendo que nesse episódio, ele encontrará uma saída que não venha mais tarde a macular o seu nome, colocando-o no rol dos políticos que não nos dá saudades, devido às suas truculências e espírito ditatorial.

Assim, continuo com minha pré-candidatura, até por que ela não me pertence. Hoje, ela faz parte do desejo do povo de Garanhuns, que em nenhum momento se deixará subjugará aos caprichos de quem quer que seja mesmo daqueles a quem temos o melhor respeito e admiração”.

Saudações socialistas,

Givaldo Calado de Freitas.

Veja abaixo o artigo da coluna "Fogo Cruzado", do jornalista Inaldo Sampaio, publicada tanto em seu Blog, como no jornal Folha de Pernambuco, do último sábado (28), o qual motivou a nota do ex-vereador e empresário Givaldo Calado de Freitas, do PSB Garanhuns:

Ponto final – O PSB deu por encerrada ontem a discussão sobre a escolha do seu candidato à prefeitura de Garanhuns. É Antonio João Dourado e ponto final. O empresário Givaldo Calado, que também postulava a indicação, saiu da reunião contrariado mas se submeteu à decisão. O próximo passo do prefeito de Lajedo é ir atrás do apoio dos outros partidos da Frente Popular.

2 comentários:

  1. Tá decidido mesmo, com Eduardo é assim é o que ele quer passa por cima e pronto. Se o povo de Garanhuns quiser eleja o Antonio João, tá virando prefeito profissional. Taí eleger dirigentes por aclamação, com base em oba oba, sem vê o passado dos caras, É coerente elegeu-se um despota como o avô pra governador então ele age como despota. Estas estruturas partidárias corruptas e ainda vem falar em discutir política com ideologia, ideologia de que?

    ResponderExcluir
  2. GIVALDO CALADO TÁ VIRADO NA BOBA SALAZAR. TÁ BOTANDO PEGADO NA DIREÇÃO DESSE ARREMEDO DE PARTIDO QUE TEM O APELIDO DE PSB. SÓ QUE HÁ UM DETALHE EM TUDO ISSO: A VINGANÇA DO "CORONÉ DE GRAVATA" SERÁ MALIGNA EN CIMA DE GIVALDO. VAMOS AGUARDAR A REBORDOSA QUE VEM POR AÍ!!!

    ResponderExcluir