quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

Paulo Câmara leva mais água para Jucati, Neves e São Pedro e inicia obra de reestruturação de rodovias


O governador Paulo Câmara (PSB) inaugurou, nesta quarta-feira (22.01), o novo Sistema Adutor a partir da ETA Garanhuns, no município de Jucati, no Agreste Meridional do Estado. A intervenção contou com investimentos da ordem de R$ 6 milhões, sendo R$ 2 milhões para a execução dos serviços e R$ 4 milhões para a aquisição de materiais. Cerca de 15 mil habitantes serão beneficiados em Neves, distrito de Jucati, e no distrito de São Pedro, em Garanhuns.

O novo sistema busca garantir segurança hídrica para as localidades contempladas, solucionando o problema de abastecimento, que antes dependia da captação de água em barragens, sofrendo constantemente com períodos de estiagem. “Nós sabemos a crise hídrica por que passa a Região Nordeste, por que passa Pernambuco, mas a gente está conseguindo tirar obras importantes do papel, torná-las realidade. Temos muito que fazer para melhorar em Pernambuco, mas são ações como essas que a gente vai continuar fazendo. Queremos garantir água com regularidade e com qualidade chegando a todas as áreas do Estado”, afirmou Paulo Câmara.

Presente ao evento o deputado estadual Sivaldo Albino (PSB) destacou as ações do governo do estado em Garanhuns e região, como a UPAE; o Expresso Cidadão; nova sede, equipamentos e moderna viatura para o Corpo de Bombeiros; mais policias, viaturas, motos e investimentos para o 9º Batalhão de Policia Militar,  reforçando a segurança, o combate à criminalidade e a redução de homicídios; Policia Cientifica; IML de Vivos; modernização das instalações da Ciretran; investimentos no Hospital Dom Moura com a contratação de novos médicos; Escola Técnica Ariano Suassuna; reformas, construção de quadras poliesportivas, de novas escolas estaduais e investimentos;  asfalto ligando Garanhuns ao distrito de São Pedro e os constantes investimentos no setor de abastecimento de água, com construção de novas barragens e adutoras. O deputado ainda ressaltou que muitos mais ações e investimentos virão.

Cícero Araújo, mais conhecido como Seu Adilson, 56 anos, um dos moradores beneficiados com a ação, falou sobre a felicidade em voltar a ter água encanada em sua residência. “Antes a gente pegava água com o balde. Com o decorrer do tempo, a seca fez parar a água que a gente pegava da barragem. Agora, toda hora a gente tem água em casa para tomar banho, para lavar roupa, para lavar os pratos. Foi bom demais, graças a Deus. Não tenho como não agradecer”, disse.

CAMINHOS DE PERNAMBUCO – No município de Belo Jardim, o governador Paulo Câmara assinou ordem de serviço para a realização de uma reestruturação em um trecho de 30 km na PE-166. A iniciativa faz parte do Programa Caminhos de Pernambuco, e conta com um investimento de R$ 23 milhões, sendo R$ 4 milhões provenientes de empréstimo contraído com a Caixa Econômica Federal e R$ 18 milhões financiados pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). A ação beneficiará mais de 76 mil pessoas da região, proporcionando mais conforto e segurança para quem circula na rodovia.

A intervenção contempla a restauração do trecho de 16,6 km que vai do entroncamento com a BR-232, em Belo Jardim, até Serra dos Ventos, além da pavimentação do segundo trecho, com 13,4 km, que vai de Serra dos Ventos ao entroncamento com a PE-145, em Barra de Farias, no município de Brejo da Madre de Deus.

"Estamos iniciando a recuperação de uma estrada importante, fundamental para toda essa região. Os trabalhos vão começar de imediato, para que a gente possa terminar dentro do prazo, e eu vou voltar aqui para vê-la pronta", afirmou Paulo Câmara.

quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

Em reunião com Paulo Câmara, executivo da Aena Brasil anuncia para março o início das operações no Aeroporto do Recife


O governador Paulo Câmara recebeu, nesta terça-feira (21.01), no Palácio do Campo das Princesas, o diretor-presidente da Aena Brasil, Santiago Yus. Na reunião, que também contou com a presença do prefeito do Recife, Geraldo Julio, o executivo atualizou os gestores sobre o andamento da concessão do Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes – Gilberto Freyre, e anunciou que as operações da Aena serão iniciadas em março, logo após o Carnaval. De acordo com Paulo Câmara, a expectativa para o início dos serviços prestados pela empresa espanhola, que administrará o Aeroporto do Recife, é positiva.

“Pernambuco tem, nos últimos anos, avançado na questão da aviação. Hoje, o Aeroporto do Recife é o mais movimentado do Nordeste, e nós queremos que continue assim: com conforto, pontualidade e qualidade dos serviços. Para isso, contamos com a parceria da Aena Brasil, que se comprometeu a iniciar as ações no mês de março. Além disso, a empresa também se comprometeu a, até abril, apresentar o plano de investimentos e as etapas para que o nosso aeroporto continue sendo referência no Nordeste, porta de entrada para quem vem da Europa e, acima de tudo, um hub de opções para o turismo e a economia de Pernambuco”, afirmou Paulo Câmara.


Santiago Yus explicou que o plano de investimentos, previsto para acontecer ao longo dos 36 meses após o início das operações da Aena Brasil, está sendo analisado pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). “O plano remete às ações em infraestrutura do aeroporto, como, por exemplo, check-in, segurança, embarque. Tudo tem que ser melhorado”, frisou Santiago, complementando que algumas ações imediatas, entretanto, serão realizadas até junho deste ano. “Entre essas ações estão a reforma de sanitários, melhorias na iluminação e na acessibilidade”, completou.

Na semana passada, a Aena Brasil iniciou as operações nos aeroportos de Juazeiro do Norte (CE) e de Campina Grande (PB). O cronograma segue com os de Maceió (AL), Aracaju (SE) e João Pessoa (PB), que também compõem o bloco de aeroportos do Nordeste arrematado pela Aena Brasil no leilão do ano passado.

SEE inicia período para cadastro de vagas remanescentes nas escolas da Rede Estadual


A Secretaria de Educação e Esportes (SEE) iniciou na última segunda-feira (20) um novo período de cadastro de matrícula para as vagas remanescentes das escolas da Rede. Os novatos têm até o dia 28 de janeiro para realizar a inscrição pelo site www.educacao.pe.gov.br. Já a efetivação pode ser feita presencialmente entre os dias 21 e 30 de janeiro na unidade de ensino escolhida. Para esta etapa foram disponibilizadas 61.103 vagas em todo o Estado.

Do total de vagas remanescentes, 5.251 estão na Região Metropolitana do Recife; 29.302 na Zona da Mata; 7.073 no Agreste, e 19.477 no Sertão de Pernambuco. Ao iniciar o cadastro de matrícula, as informações deverão ser preenchidas até o final pelos pais ou responsáveis, ou pelo próprio estudante (quando maior de 18 anos).

São solicitadas informações como nome completo, data de nascimento, escola de origem, escola que pretende estudar com série e turno, e-mail, nome do responsável com endereço e telefone para contato, além de RG e CPF. Estes dois últimos, para esta etapa, apesar de necessário, não são obrigatórios, devendo ser apresentados na efetivação da vaga.

Ao final, será gerado um protocolo que é a confirmação da matrícula realizada e que deve ser anotado ou impresso. Posteriormente, com este número de protocolo, o estudante se dirige à escola que se matriculou para entregar os documentos necessários.

A efetivação da matrícula deve ser realizada diretamente na escola escolhida, no prazo de 21 a 30 de janeiro, das 8h às 17h. Para a confirmação, os pais ou responsáveis pelos estudantes devem apresentar os seguintes documentos: número da inscrição online, cópia da certidão de nascimento, comprovante de escolaridade, 01 foto 3x4 recente, comprovante de residência com CEP, Documento de Transferência, cópia da carteira de vacinação, comprovante de tipo sanguíneo e fator RH.

“A participação neste processo é muito importante, pois a ideia é garantir as vagas para todos os alunos interessados em estudar nas escolas públicas do Estado. Nosso objetivo é não deixar nenhum jovem fora da sala de aula”, pontua o secretário de Educação e Esportes, Fred Amâncio.


SERVIÇO


SEE inicia período para cadastro de vagas remanescentes nas escolas da Rede Estadual

Até o dia 30 de janeiro

Mais informações para a imprensa: (81) 3183-9300

terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Pela primeira vez AESGA tem presidência ocupada por alguém estranha à instituição


Pela primeira vez em toda a sua história, com a posse da bancaria aposentada Ivoneide Gomes Brandão – mais conhecida como Neide Brandão – na manhã desta terça-feira (21), a presidência da Autarquia de Ensino Superior de Garanhuns – AESGA será ocupada por uma pessoa de fora dos seus quadros, totalmente estranha a instituição, o que está gerando grande desconfiança da maioria dos integrantes de autarquia de ensino.

Uma luta antiga dos professores da AESGA, é transformar o processo de escolha da sua presidência em um processo democrático, como ocorre nas universidades federais e estaduais. No caso das universidades federais o processo é feito por escolha do presidente da republica dentro de uma lista tríplice eleita por todos os integrantes da instituição, alunos, professores e funcionários concursados. Já no caso da Universidade de Pernambuco – UPE, estadual, a eleição é direta, assumindo diretamente a reitoria o mais votado por alunos, professores e funcionários.


Já em Garanhuns, na AESGA, o prefeito do município, Izaías Régis, é quem decide quem irá ocupar a presidência. Tendo Izaías ainda aprovado na câmara dos vereadores uma lei municipal que passou a permitir, desde 2016, a nomeação de pessoas de fora da AESGA para a sua presidência, o que ainda não havia acontecido até agora.

As credenciais que a prefeitura apresentou, em release enviado à imprensa,  para Neide para assumir a AESGA, é ser aposentada da Caixa Econômica Federal, que faz parte do Clube Rotary e que gere o setor financeiro de uma empresa privada da cidade, que se pressupõe ser um armazém atacadista de alimentos e bebidas que tem junto com o marido na rua Sátiro Ivo – rua da Areia – no bairro do Magano.


“É a primeira vez que a AESGA tem uma pessoa ocupando a sua presidência que não é professor da instituição, e o mais grave, que não tem nenhuma experiência profissional na área de educação. É como colocar um padeiro para tomar conta de galeria de artes, nada a ver uma coisa com a outra, são áreas e conhecimentos totalmente distintos.” Pontua um professor de direito pedindo reserva.

Outro ponto que também está gerando desconfiança foi a fala de Izaías ao dar posse a nova presidente, de que “Ivoneide dará continuidade ao trabalho realizado por Suianne Melo, trazendo ainda mais melhorias para a Autarquia”, quando o principal motivo desta mudança na AESGA foi justamente a insatisfação de alunos e professores com o que classificam de má gestão de Suianne.

Paulo Câmara reforça segurança pública com 506 novos policiais militares


Com o objetivo de fortalecer as ações do Pacto Pela Vida, o governador Paulo Câmara comandou, nesta segunda-feira (20.01), mais uma formatura de praças da Polícia Militar de Pernambuco (PMPE). Os 506 novos profissionais começam a atuar já na próxima semana, e ainda neste primeiro semestre serão distribuídos de acordo com a necessidade de cada região do Estado. Durante a solenidade, o governador destacou que, apesar dos desafios enfrentados nos últimos anos, todos os setores de segurança têm conseguido alcançar suas metas e diminuir a violência em Pernambuco.

“São 25 meses de redução no número de homicídios e 28 meses de redução consecutiva no número de roubos e furtos. Agora, com o acréscimo desses novos praças, vamos ter condições de avançar ainda mais. Vamos continuar trabalhando por um Pernambuco cada vez mais seguro, onde as pessoas sintam orgulho de morar”, disse Paulo Câmara, aproveitando para dar boas-vindas aos novos praças. “É importante os senhores saberem a responsabilidade de honrar a farda que vestem. Façam o trabalho que vocês foram treinados para fazer. Vocês estão prontos para salvar vidas, para trazer cidadania e para garantir a paz no nosso Estado”, finalizou.


Com duração de sete meses, o curso teve início em julho do ano passado e, além das aulas práticas, os alunos também foram capacitados em temas como conhecimentos jurídicos, direitos humanos, controle social, gerenciamento de crise, gestão integrada e comunitária. Também puderam conhecer o funcionamento das diversas unidades que compõem a Polícia Militar de Pernambuco, incluindo as especializadas, como BOPE, BPChoque, Rocam e CIPCães.

“Essa nova turma é mais um reforço para a segurança de Pernambuco. Faz parte da renovação dos quadros da Polícia Militar. Ao longo desses cinco anos, foram mais de quatro mil novos policiais militares na corporação. Se a gente contabilizar todos os servidores da área de segurança, são mais de sete mil novos servidores, a exemplo da semana passada, quando foram contratados mais de 60 novos oficiais”, explicou o secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua.


Premiada como melhor colocada geral no curso de Formação e Habilitação de Praças, a soldado Gabriela Medeiros falou sobre a felicidade de fazer parte da PMPE. “A colocação é muito importante, é nesse momento que a gente vê o reconhecimento de tudo que foi planejado ao longo dos últimos meses. Mas o que realmente importa é saber que todos nós estamos preparados para servir à sociedade. É a nossa principal missão dentro da Polícia Militar”, afirmou.

Participaram da solenidade o presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, deputado Eriberto Medeiros; o chefe da Casa Militar, coronel Carlos Viana; o comandante geral da PMPE, coronel Vanildo Maranhão; a gerente geral da Polícia Científica, Sandra Santos; o subcomandante geral da PMPE, coronel Arlis Gadelha; o secretário executivo de Gestão Integrada da SDS, Flávio Duncan; o comandante do Centro de Formação e Aperfeiçoamento de Praças, tenente coronel Walter Guimarães; e o bispo auxiliar de Olinda e Recife, dom Limacêdo Antônio.




segunda-feira, 20 de janeiro de 2020

Briga da família Arraes é destaque nacional


O site do jornal paulista Estadão traz nesta segunda-feira (20) uma extensa matéria a respeito da briga familiar que divide clã Campos-Arraes.

Com o título ”Uma guerra fratura a família Arraes”, a matéria discorre pela briga protagoniza por João Campos e Renata Campos de um lado, filho e viúva do ex-governador e já falecido, em acidente aéreo no ano de 2014, Eduardo Campos, e Antônio Arraes e Ana Arraes do outro, irmão e mãe de Eduardo.

A matéria fala ainda da possível briga pela disputa pela prefeitura do Recife entre João Campos e sua prima em segundo grau Marilia Arraes, ambos deputados federais. Isso se Marilia não for mais uma vez rifada pelo PT, como aconteceu em 2018, para o partido manter aliança com o PSB no Estado apoiando a candidatura de João, como observa o jornal paulista.


Veja matéria completa do Estadão:


Uma guerra fratura a família Arraes


O núcleo de uma das mais tradicionais famílias da política brasileira vive uma briga fratricida. Os atritos superaram o terreno privado do clã Campos-Arraes e a lavação de roupa suja se tornou pública. Antigas diferenças políticas se converteram em um fogo cruzado que é influenciado pela polarização nacional e se volta até mesmo contra o legado do seu quadro mais proeminente, o ex-governador Eduardo Campos, morto em acidente aéreo na campanha presidencial de 2014.

As divergências alcançaram outro patamar depois que o deputado federal João Campos (PSB-PE), filho de Eduardo, atacou o tio, o advogado Antônio Campos, o Tonca, em dezembro passado, na Câmara dos Deputados. Em reunião da Comissão de Educação, o ministro da área, Abraham Weintraub, lembrou ao parlamentar que Antônio contribui com o governo que ele critica porque é presidente da Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj). “Eu nem relação tenho com ele, ministro. Ele é um sujeito pior que você”, retrucou o deputado, em referência ao tio.


Tão duro quanto o tom foi a forma. Em Pernambuco, “sujeito” pode não significar meramente uma pessoa indeterminada, mas alguém desqualificado socialmente. Nos bastidores, políticos da região disseram que essa expressão pesou mais do que qualquer coisa porque chamar alguém de sujeito, naquele Estado, equivale quase a um palavrão.

Mãe de Eduardo Campos, a ministra do Tribunal de Contas da União (TCU) Ana Arraes comprou a briga do filho e repreendeu o neto publicamente, numa rara entrevista concedida ao jornalista Magno Martins, na Rede Nordeste de Rádios, no início do mês. Disse ter ficado “entristecida” e “indignada” com a “má educação” e com a “prepotência” do neto, com quem parou de falar.


O presidente do TCU, José Múcio Monteiro, interferiu na tentativa de atuar como uma espécie de bombeiro. Amigo de Ana Arraes e também pernambucano, Múcio disse a Antonio e a João Campos, em conversas separadas, que era melhor serenar os ânimos porque em briga de família não há vencedores. Todos perdem, concluiu. Os conselhos, porém, não adiantaram. No rodízio do tribunal, Ana substituirá Múcio na presidência da Corte, no próximo ano.

Antes mesmo de a mãe tomar partido no conflito, Antônio Campos havia soltado uma nota por meio da qual acusava o sobrinho de ter sido “nutrido na mamadeira da empresa Odebrecht”. Antônio disse, ainda, que Pernambuco precisava conhecer o “lado obscuro” do sobrinho e da viúva de Eduardo, Renata Campos. João é considerado um representante da “nova política”, ao lado dos deputados Tabata Amaral (PDT-SP) e Felipe Rigoni (PSB-ES).


‘Quis se mostrar para nova namorada’


Ao Estado, Antônio admitiu que a confusão não é boa para a família, mas continuou com as críticas e provocou o sobrinho. “Ele quis se mostrar para a sua nova namorada, a deputada Tabata Amaral”, disse o tio. “Foi um ataque gratuito porque estava fora do contexto. Fui o homem que mais defendeu o pai dele, inclusive no complexo caso dos precatórios, em que Eduardo teve denúncia rejeitada pelo Supremo Tribunal Federal. E, hoje, eu o vejo abraçado e defendendo vários que chamavam o pai dele de ladrão. Não consigo entender.”


O PSB de João Campos atua no espectro da esquerda. Antônio, por sua vez, é crítico dos petistas e de alianças com o partido do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. “Vejo o governo Bolsonaro saneando muita coisa errada feita na era PT. O Brasil precisava virar essa página, que a coragem de Bolsonaro tem realizado. Tenho mais convergências do que divergências com o presidente”, disse o advogado.

Políticos próximos de João Campos admitem que os dois lados da família saem perdendo com a briga, mas contam que as divergências são antigas. Tonca não tem boa relação com o núcleo de Eduardo desde antes de 2014. Mas, como o ex-governador emprestava sua habilidade política para apaziguar os ânimos, o clã permanecia unido.

O que não era tão ruim piorou em 2016, quando Antônio quis disputar a prefeitura de Olinda. Perdeu no segundo turno e se queixou da falta de apoio do PSB, além da suposta influência da viúva Renata contra ele. Na avaliação do irmão de Eduardo Campos, o seu crescimento político não interessava a uma parte da família e, por essa razão, ele teria sido alvo de isolamento e de perseguições.


Após a morte de Eduardo, o clã entrou em disputa pelo espólio eleitoral dele e do avô paterno, o ex-governador Miguel Arraes, o “Pai Arraia”, como o patriarca da família era conhecido na Zona da Mata. O PSB tratou de capitalizar, fazendo um esforço robusto para lançar João Campos e, mais do que isso, dar ao filho de Eduardo uma votação expressiva. Na eleição de outubro, por exemplo, ele é o favorito do grupo para suceder Geraldo Júlio (PSB) na prefeitura do Recife.

“A seção pernambucana é, sem dúvida, a mais forte do nosso partido. Por isso, penso que a situação do PSB em Pernambuco é muito boa e tem o candidato mais competitivo à prefeitura da capital, o deputado João Campos”, disse o presidente nacional do partido, Carlos Siqueira. “No tocante a eventuais problemas familiares, não me compete falar. Eles devem ser separados da política e tratados no âmbito apropriado.”

Outros integrantes da família, no entanto, também se veem no direito de recorrer à memória de Eduardo e de Miguel Arraes. No Recife, a também deputada federal Marília Arraes, do PT, prima de João em segundo grau, quer entrar na corrida eleitoral deste ano. Além disso, a própria Ana Arraes não descarta abrir mão da cadeira no TCU para disputar o governo de Pernambuco, em 2022. Procurados, Ana, João e Renata Campos não se manifestaram. Marília Arraes, por sua vez, enviou nota na qual disse que a briga pública dos parentes é algo que não lhe diz respeito.


Para lembrar: a disputa por Recife


A disputa pela prefeitura do Recife na eleição municipal deste ano também deve colocar em lados opostos os dois principais herdeiros políticos do ex-governador Miguel Arraes, que morreu em 2005, como mostrou reportagem do Estado publicada em dezembro. O deputado federal João Campos (PSB), de 26 anos, foi escolhido pelo partido disputar a capital pernambucana. Sua principal adversária, no entanto, é a também deputada Marília Arraes (PT), 35 anos, que é neta de Arraes e prima de segundo grau de João. Essa disputa familiar só não deve ocorrer se o PT mantiver aliança com o próprio PSB no Estado e ‘rifar’ a candidatura de Marília para apoiar João.

3ª Corrida ‘2 Milhas de São Sebastião’ foi realizada nesse domingo (19)


Dando início ao calendário de corridas de rua em Garanhuns do ano de 2020, foi realizada na manhã desse domingo (19) a 3ª Corrida das 2 Milhas de São Sebastião. A competição que homenageia o padroeiro do bairro Boa Vista teve a participação de aproximadamente 250 pessoas.

Na sua terceira edição, a prova contou com um percurso de 3,2 quilômetros. A concentração e chegada foi em frente à Igreja de São Sebastião que realizou o evento junto com a Bingo Corridas.





Colocação categoria Profissional


AMSTT abre chamada pública para mototaxistas


A Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transporte (AMSTT) lançou chamada pública para a delegação, através de contrato de permissão, de 66 (sessenta e seis) vagas para a execução do serviço público de transporte individual remunerado de passageiros, denominado “mototáxi”, em Garanhuns.

A sessão pública para a entrega do envelope de habilitação será realizada no dia 31 de janeiro de 2020, das 08 h às 14 h, no auditório do Centro de Formação da Educação (sede da AMSTT), localizado na avenida Irga, nº 100, bairro Novo Heliópolis. Todos os candidatos deverão estar presentes para assinatura da ata ou seus representantes (por meio de instrumento particular ou público de procuração), cujo outorgado deverá se apresentar à Comissão Especial de Habilitação portando documento de identificação oficial com foto e assinatura.

A Comissão Especial de Habilitação publicará em 5 (cinco) dias úteis a lista dos candidatos habilitados, em mural da AMSTT e no Diário Oficial dos Municípios do Estado de Pernambuco (Amupe). Outras informações podem ser verificadas no edital da chamada pública, disponível no site da Prefeitura de Garanhuns: https://garanhuns.pe.gov.br e no site da AMSTT: http://www.amstt.pe.gov.br.

sexta-feira, 17 de janeiro de 2020

Programa Ganhe o Mundo embarca estudantes do Agreste Pernambucano para intercâmbio nos Estados Unidos


Nesta sexta-feira (17), o Governo do Estado, através da Secretaria de Educação e Esportes, embarcou mais um grupo de estudantes da Rede Estadual de Ensino para os Estados Unidos pelo Programa Ganhe o Mundo. Ao todo, 46 estudantes de todo o estado, sendo seis alunos do Agreste Pernambucano, viajaram para vivenciar novas experiências e aprender uma nova língua. Em solo norte-americano, os jovens estudarão um semestre letivo na modalidade High School onde irão aperfeiçoar um segundo idioma por meio da vivência prática nas regiões do país.

Além da oportunidade de estudar em outro país, o programa de intercâmbio do Governo de Pernambuco oferece aos jovens seguro saúde internacional, acomodação em casa de família (host family) com todas as refeições garantidas e uma bolsa mensal no valor de R$ 719. Todos os estudantes embarcados pela iniciativa também recebem malas de viagem doadas pela Companhia Pernambucana de Gás (Copergás), uma das parceiras do projeto.


“Eu enxergo essa oportunidade como uma das mais importantes da minha vida, porque vai me ajudar no processo de formação educacional e pessoal. Embora esteja distante da minha família, esse momento me proporciona também a ser uma pessoa mais independente e me deixa mais confortável para sair de casa quando iniciar meu curso na faculdade”, destacou o estudante Felipe de Oliveira, da Escola Técnica Estadual (ETE) Ariano Vilar Suassuna, em Garanhuns, que pretende estudar publicidade e propaganda.

O secretário de Educação e Esportes do Estado, Fred Amâncio, compareceu ao embarque para parabenizar os estudantes e conversar mais sobre a importância de fazer intercâmbio. “A gente fica muito feliz e muito orgulhoso em cada embarque do PGM, porque eles são extraordinários e merecem os nossos parabéns. Quando os estudantes viajam eles representam a família, a escola, a cidade e o nosso estado. E a gente quer que eles aproveitem ao máximo conhecendo o local, fazendo amigos das diferentes cidades, pois cada um vai poder vivenciar uma experiência diferente e depois vai poder compartilhar essa experiência com as pessoas”, salientou.



Hospital Regional Dom Moura recebe 26 novos profissionais de saúde


Para muita gente o Hospital Regional Dom Moura – HRDM é somente a emergência, na verdade é um complexo hospitalar como poucos no estado. Emergências adulto, infantil, odontológica, ortopédica, CTI e UTI, maternidade, centro de saúde especializado, bloco cirúrgico, enfermarias, administrativo. Tudo funcionando 24 horas por dia os sete dias da semana. São milhares de pessoas que passam pelo HRDM diariamente, onde quase 80% deste público é de Garanhuns.

Fazendo parte da rede SUS da Secretaria Estadual de Saúde, o Hospital Dom Moura receberá 10 novos médicos e 15 técnicos de enfermagem nomeados o governador Paulo Câmara que já nomeou mais de oito mil profissionais de saúde em suas gestões. Agora convocando mais 389 novos servidores concursados. A V GERES, também em Garanhuns, receberá uma médica sanitarista, somando 26 novos profissionais no serviço público estadual em Garanhuns.


O deputado estadual Sivaldo Albino, líder do PSB na ALEPE, comemorou as nomeações e afirmou que o Hospital melhora ainda mais o atendimento com o crescimento da equipe: "Ao saber que uma nova turma de profissionais de saúde seria convocada, procuramos saber da diretora Catarina Tenório as demandas, estivemos também com o secretário estadual de saúde, Dr. André Longo, e apresentamos ao governador Paulo Câmara nosso pedido. Ficamos felizes de poder contribuir com mais esta ação do governo de Pernambuco que vai proporcionar um melhor atendimento à população do Agreste, e em especial de Garanhuns, já que aquele hospital praticamente absorve a demanda dos usuários que deveriam ser atendidos por um hospital municipal" – Disse Sivaldo.

Os convocados iniciam processo de entrega de documentações para assumirem suas funções em breve.