sábado, 22 de julho de 2017

Som na Rural movimenta Parque Euclides Dourado durante 27º FIG


Um veículo que percorre ruas de todo estado levando cultura das mais diversas formas. Essa é a principal proposta do “Som na Rural”, projeto que segue até o próximo sábado (29), no Parque Euclides Dourado, como parte da programação do 27º Festival de Inverno de Garanhuns. A famosa “Rural de Renor”, como também é conhecida, está parada em uma área próxima à Biblioteca Municipal Luiz Jardim. Nesta edição o local consolida-se como mais um polo alternativo, que vai atrair um grande público durante seus nove dias de atividades.

A rural contará com diversos shows ao vivo que exemplificam a pluralidade do FIG, a maratona teve início nesta sexta-feira (21) com o show do cantor e compositor arcoverdense Kleber Araújo. No ano passado, o artista foi o vencedor do 7º Prêmio da Música de Pernambuco, com o disco “Cinema Novo”, que conta inclusive com a participação do Coco das Irmãs Lopes, grupo precursor do ritmo em Arcoverde. "Esse é um espaço que também é dedicado à música de raiz, por isso ficamos muito alegres em saber que vínhamos pra cá. E com essa energia que sentimos aí tenho certeza que foi a melhor coisa que poderia me acontecer nesse festival", declarou o artista.

Logo em seguida quem apresentou-se foi o músico Zé de Teté, e em poucos minutos o limoeirense de 73 anos mostrou o poder do coco de roda, fazendo todo o público bater os pés e acompanhar suas rimadas composições. "Esta é minha primeira vez no FIG e estou muito animado, afinal quem faz a festa é a gente. Chegamos ontem e aos poucos estamos indo aos shows, além de conhecer a cidade", afirmou o recifense Edigefferson de Paulo, que esteve acompanhado por um grupo de amigos.

O forró tomou conta do espaço com o show de Luizinho Calixto, instrumentista que é um dos grandes mestres dos 8 baixos no Nordeste. A noite ainda contou com a apresentação do DJ Renato da Mata, que já tem 11 anos de carreira, sempre entre os intervalos dos shows. Neste sábado (22), a partir das 18h, o Som na Rural recebe o Circo Coletivo Bartira. Logo após, às 19h, quem se apresenta é Ganga Barreto, encerrando a programação de amanhã, às 20h20 tem show de Ylana Queiroga. (Secom)

Festival de Inverno de Garanhuns tem mais de 40 atrações musicais no primeiro fim de semana


Música Popular Brasileira, samba, forró, música pop, coco de roda, rock e muitos outros ritmos dão o tom do primeiro fim de semana da 27ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG). Já neste sábado, o palco Mestre Dominguinhos recebe o eletrizante show Baby do Brasil Experience, em que a cantora carioca relembra seus grandes sucessos, como Todo Dia Era Dia de Índio, Sem Pecado e Sem Juízo, Cósmica, Telúrica e A Menina Dança. 

Antes dela, sobe ao palco a performática cantora Alice Caymmi, que vem com um show em que mistura músicas inéditas com canções do elogiado disco Rainha dos Raios, lançado em 2014.  A apresentação de Alice está marcada para começar às 23h. A noite do sábado no palco Mestre Dominguinhos, no entanto, começa às 20h com shows de Rogério e os Cabras, Maciel Salu e Cantos Rurais, projeto de poesia popular e viola com Adiel Luna (PE) e Mestre Bule-Bule (BA).

No domingo é a vez de transformar o palco principal em uma grande roda de samba com Zeca Pagodinho, um dos cantores mais populares e queridos do Brasil. Ele chega ao FIG em ritmo de comemoração, após receber na quarta-feira passada o Prêmio da Música Brasileira como melhor cantor de samba, com o álbum Quintal do Pagodinho, volume 3. Zeca substitui o show de Tom Zé, que fecharia a programação do domingo e teve que ser cancelado por conta de problemas de documentação para a contratação do artista. O domingo no palco Mestre Dominguinhos também começa às 20h com shows de Cafuringa e Banda, Donas, o rapper Zé Brown e o afrobeat baiano da Ifá.

Som na Rural – O veículo mais cultural de Pernambuco estaciona mais uma vez no Parque Euclides Dourado com muita música e arte. Estrela da MPB, Angela Ro Ro é a grande atração do sábado, fazendo um show solo a partir das 22h30. No domingo, o pernambucano Graxa fecha a noite com show que reúne músicas autorais dos primeiros dois discos e algumas surpresas.  A programação do fim de semana também conta com shows de Ylana Queiroga e Bruno Souto, entre outros.

Cultura Popular –  Xaxado, frevo, reisado, maracatu, afoxé e coco têm lugar cativo no fim de semana do Palco de Cultura Popular Ariano Suassuna, no centro de Garanhuns. Entre os destaques do sábado estão o Coco Miudinho da Xambá e o Maracatu Nação Raízes de Pai Adão. Às 16h, o espaço recebe o projeto Flabelos Cantantes: Encontro de Blocos Líricos, que reúne os Seresteiros de Salgadinho, Banhistas do Pina e Um Bloco em Poesia. No domingo, shows de Coco dos Pretos e Afoxé Omolu Pa Kerú Awo, entre outras atrações. As apresentações começam sempre ao meio-dia e seguem até o comecinho da noite.

Música na catedral – O projeto do Conservatório Pernambucano de Música (CPM) leva para a Igreja de Santo Antônio neste sábado, a partir das 21h, o show Sem mais adeus, de Francis Hime e Olívia Hime, uma homenagem a Vinícius de Moraes. Mais cedo, às 16h30, tem o Quinteto Danilo Brito. No domingo, às 16h30, apresentação da Orquestra de Câmara de Pernambuco com o Coro de Câmara do CPM. Às 21h, a pianista Ellyana Caldas faz recital com as participações especiais de Bozó (violão 7 Cordas) e Júnior Teles (percussão).

Galeria Galpão - As ações de artes visuais do 27º Festival de Inverno de Garanhuns têm endereço certo na Galeria Galpão (Av. Dantas Barreto,34). A partir deste sábado, o espaço recebe, das 16h às 22h, uma série de ações, como exposições, performances e debates em parceria com o SESC. O destaque do fim de semana fica por conta da performance Descamada, de Carol Azevedo, que, por meio da costura de uma “segunda pele”, propõe uma reflexão sobre corpo, gênero e política. A performance acontece às 20h do domingo (23).

Artes cênicas - A cantora, atriz e pianista Cida Moreira é novidade na programação deste sábado. O espetáculo Cabaret Brecht, canções de Kurt Weill e Bertolt Brecht acontece às 17h no Teatro Luiz Souto Dourado, com participações especiais da atriz Maeve Jinkings e do ator Arilson Lopes recitando poesias do dramaturgo. Na programação de circo, o destaque vai para a Mostra de Números Circenses com a participação de sete grupos de Pernambuco e São Paulo. O evento acontece no sábado, a partir das 16h, na Lona no Parque Euclides Dourado.

Literatura - A Praça da Palavra sedia recitais, contações de histórias, debates, lançamentos de livros, estandes de venda de livros e lounge de leitura. No sábado, às 19h, a atriz e performer Sônia Bierbard (PE)apresenta a intervenção literária Poesia ao Vivo – A impressão que se leva sempre: Sempre Poesia de Maria do Carmo Barreto Campello de Melo. No domingo, serão debatidos temas como a Revolução de 1817, política cultural e a poesia de Cida Pedrosa. As ações se estendem das 9h até o começo da noite.

Cinema – A 13ª Mostra de Cinema do FIG leva para o Cine Eldorado neste sábado, às 18h20, o longa-metragem pernambucano Joaquim, seguido de conversa com a equipe do filme. No domingo, às 18h20, o destaque é o documentário Super Orquestra Arcoverdense de Ritmos Americanos, que também é seguido de debate com os realizadores. A entrada para todos os filmes é gratuita.

Gastronomia – Diálogos sobre a geografia de território gastronômico, com ênfase nos produtos originários do Agreste Meridional é o tema da palestra com Benoit Paquereau, Raul Lody, Josenildo Santos e Beth da Matta. Depois da conversa, degustação de receitas com café, queijos e doces regionais. Deu água na boca? Então anote na agenda: é neste sábado das 14h às 16h30, no Instituto Histórico e Geográfico de Garanhuns.

O Festival de Inverno de Garanhuns é realizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Cultura e da Fundarpe, e conta também com a parceria da Prefeitura de Garanhuns e apoio da CEPE Editora, Sesc e Sebrae, além do Virtuosi e do Conservatório Pernambucano de Música. Confira a programação completa e atualizada no site oficial: www.cultura.pe.gov.br/fig2017.


Veja abaixo os horários dos shows deste fim de semana


Sábado (22/7)


Palco Mestre Dominguinhos
20h – Rogério e os Cabras
21h – Maciel Salu
22h - Cantos Rurais: Adiel Luna (PE) e Mestre Bule-Bule (BA)
23h – Alice Caymmi (RJ)
0h30 – Baby do Brasil (RJ)

Palco de Cultura Popular Ariano Suassuna

12h – Reisado Garanhuns Cultural
13h – Aria Social
14h – Coco Miudinho da Xambá
15h – Maracatu Nação Raízes de Pai Adão
16h – Flabelos Cantantes: Encontro de Blocos Líricos
(Seresteiros de Salgadinho /Banhistas do Pina / Um Bloco em Poesia)
17h – Grupo Xaxado Cabras de Lampião
18h – Ciranda Bela Rosa

Som na Rural

Parque Euclides Dourado

18h – Aganjú | Circo Coletivo Bartira
19h – Ganga Barreto
20h20 – Ylana Queiroga
22h30 – Angela Ro Ro (RJ)
Intervalos e fim de noite: DJ Renato da Mata


Domingo (23/7)


Palco Mestre Dominguinhos

20h – Cafuringa e Banda
21h – Donas
22h – Zé Brown
23h – Ifá (BA)
0h30 – Zeca Pagodinho

Palco de Cultura Popular Ariano Suassuna

12h – Valdir Mariano
13h – Reisado Mestre João Tibúrcio
14h – Boi Tá Tá Tá
15h – Tribo Indígena Carijós do Recife
16h – Coco dos Pretos
17h – Bloco Compositores e Foliões
18h – Maracatu de Baque Solto Leão Vencedor de Carpina
19h – Afoxé Omolu Pa Kerú Awo

Som na Rural

Parque Euclides Dourado

19h – Diablo Angel
20h20 – Bruno Souto
22h30 - Graxa

sexta-feira, 21 de julho de 2017

Grande participação popular marca abertura do 27° FIG

Fotos: Camila Queiroz - Secom/PMG

Teve início oficialmente, nesta quinta-feira (20), a 27ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), evento multicultural dos mais tradicionais em todo país. A abertura foi realizada no Teatro Luiz Souto Dourado, localizado no Centro Cultural Alfredo Leite Cavalcanti, espaço que recentemente foi recuperado pelo Governo Municipal de Garanhuns. O momento contou com a presença de autoridades e também foi prestigiado por turistas e garanhuenses, apresentando logo na primeira oportunidade a pluralidade cultural que é característica do Festival. Este ano, o FIG homenageia o cantor e compositor cearense Belchior, falecido no mês de abril. Além do escritor Ariano Suassuna, que agora dá nome ao Palco da Cultura Popular, em alusão ao seu 90° aniversário. Já a Praça da Palavra vai lembrar o centenário de Hermilo Borba Filho, também adotando o nome do escritor e jornalista.

Dando início à solenidade subiram ao palco do teatro o prefeito de Garanhuns, Izaías Régis; a presidente da Fundarpe, Marcia Souto; o secretário de Cultura de Pernambuco, Marcelino Granja; o reitor da Universidade de Pernambuco, Pedro Falcão e o deputado estadual Valdemar Borges (PCdoB). Em seu pronunciamento, o gestor municipal ressaltou a importância da participação de artistas de Garanhuns dentro da programação. "Desejo que todos sejam bem-vindos a este grande evento. Costumo dizer que este é um dos grandes festivais multiculturais da América Latina. Aqui tem cultura para todos os gostos, somada a tradição e a história do que há de melhor em Garanhuns. Tenho muito orgulho dos artistas daqui que vão se apresentar, que também são responsáveis pela grandeza do evento; em conjunto com os grandes nomes da cultura popular brasileira que recebemos", afirmou Izaías Régis.


Logo após, uma nova homenagem aconteceu com a entrega da placa do FIG aos filhos do cantor cearense, Camila e Mikael Belchior. O início do grande circuito de shows musicais foi com a apresentação da cantora pernambucana Isadora Melo, que lançou em 2014 seu primeiro disco, intitulado "Vestuário". Além de canções autorais, a artista teve as participações de Maurício Tizumba, Lui Coimbra e Mona Gadelha, com homenagens ao cearense, como na canção "Galos, noites e quintais". Outras participações foram o músico Juliano Holanda; o bandolinista Rafael Marques; o baixista Rogê Victor; o acordeonista garanhuense Julio Cesar e um dos instrumentistas mais reverenciados da música brasileira, o violoncelista e arranjador carioca Jaques Morelenbaum.

O gerente do Instituto Nacional do Seguro Social em Garanhuns, Francisco Alencar esteve acompanhado da esposa Analice Alencar e afirmou ser um espectador assíduo do evento. "Há 17 anos a gente sempre gera uma expectativa sobre as atrações que vêm. E esse Festival para mim é um dos melhores, já que a programação está muito cultural. São talentos que precisam dessa integração que acontece aqui", declarou.

O mesmo teatro onde ocorreu o show torna-se também, a partir do próximo domingo (23), o espaço destinado às artes cênicas do evento, recebendo grupos de todo o país em uma programação diversificada.

Mestre Dominguinhos - Já os shows do Palco Principal do FIG têm início nesta sexta-feira (21), na Praça Mestre Dominguinhos, a partir das 20h com show da cantora Amanda Back. Em seguida, às 21h, tem show de Mundo Livre S/A. Às 22h30 é a vez do cantor Geraldo Azevedo e encerrando a programação da noite, às 00h, haverá um tributo a Belchior, com a participação de Ednardo, Angela Ro Ro, Lira, Cida Moreira, Tulipa Ruiz, Isaar, Fernando Catatau, Juvenil Silva, Renata Arruda e Gabi da Pele Preta. (Secom)

32ª Bienal de São Paulo é aberta ao público em Garanhuns


A 32ª edição da Bienal de São Paulo foi aberta na tarde desta quinta-feira (20), primeiro dia do 27º Festival de Inverno de Garanhuns. A exposição de tema “Incerteza Viva” reúne trabalhos de nove artistas nacionais e internacionais. A cerimônia de abertura aconteceu no Centro de Produção Cultural do Sesc (CPC) e contou com a presença de secretários do governo municipal, além de outras autoridades do governo de Pernambuco, incluindo Fundarpe, além do Serviço Social do Comércio (Sesc).

A exposição de tema “Incerteza Viva” foi exibida na capital do estado de São Paulo durante o ano passado e em 2017 viaja o Brasil e o mundo. Garanhuns é a única cidade do Nordeste a ser escolhida para receber a mostra, coordenada pelo alemão Jochen Volz, em parceria com mais quatro curadores do México, África do Sul, Dinamarca e Brasil. “Incerteza é um motor que nos faz estar sempre em movimento. Ela faz com que a gente se abra para outras formas de conhecimento”, explica uma das curadoras, Júlia Rebouças, que esteve presente durante a cerimônia de abertura.

O recorte curatorial foi elaborado especialmente para Garanhuns. O artista gaúcho, radicado no Recife, Cristiano Lenhardt, está expondo suas peças, produzidas com cará, na Bienal. Ele também participou da cerimônia e cumprimentou os primeiros visitantes da mostra. A exposição acontece na Galeria de Artes Ronaldo White e no Centro de Produção Cultural do Sesc e estará aberta até o dia 22 de setembro. O horário de funcionamento é de 9h às 21h, de segunda a sexta-feira. (Secom)

quinta-feira, 20 de julho de 2017

Casa do Artesão vai expor mais de 500 peças durante 27º FIG

Fotos: Daniela Batista - Secom/PMG

A Casa do Artesão está se preparando para receber o grande número de público durante a 27ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns, que começa hoje (20), e vai até o sábado (29). Mais de 500 artigos de venda estão sendo expostos no local, confeccionados por cerca de 30 artistas que participam da Associação da Casa do Artesão. Almofadas, bolsas, esculturas, blusas, cachecóis, canecas e outros tipos de artesanatos são vendidos no local.

Segundo a vice-presidente da Casa, Maria José Alencar, a expectativa é que as vendas aumentem cerca de 30% em relação ao primeiro trimestre do ano. As peças variam de R$ 0,50 à R$ 200,00 e são produzidas com os mais diversos materiais, como palha de milho, papel machê, fios de cobre, filtro de café, madeira, barro, materiais recicláveis e outros tipos de matéria-prima.

Este ano, 30 peças do artesão garanhuense Mestre Fida, que expôs na Fenearte 2017, estão sendo expostas. O artista Genival Rufino também está apresentando peças, entre elas o “Dragão”, produzida com couro e material reciclado. Durante o FIG, o espaço estará aberto das 9h às 17h. A casa está localizada na Rua Treze de Maio, no bairro Santo Antônio. (Secom)

Autarquia de Trânsito e Transportes informa sobre interdições durante 27º FIG

Fotos: Daniela Batista - Secom/PMG

Durante a 27ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), a Autarquia Municipal de Segurança, Trânsito e Transportes (AMSTT), por meio da Guarda Municipal, executa interdições de trânsito nas principais avenidas e ruas da cidade – incluindo os acessos aos principais polos de animação. As medidas visam o melhor fluxo de veículos e passagem dos pedestres. O evento começa amanhã (20) e segue até o dia 29 deste mês.

Os isolamentos iniciam às 16h30min da próxima sexta-feira (21), na rua Nilo Peçanha, a partir do cruzamento com a rua General Dantas Barreto; rua Afonso Pena, a partir da praça Dom Moura III; rua Coronel Antônio Victor, a partir do Colégio Estadual; além das ruas Manoel Ouro preto, Prosperidade, Coronel Antônio Souto e Coronel Antônio Victor – todas essas áreas dão acesso ao maior polo do festival, a Praça Cultural Mestre Dominguinhos.

Outras mudanças de trânsito – Ainda a partir da primeira noite de shows, a rua Ari Barroso, a partir do cruzamento com a rua 13 de Maio, também no centro da cidade, servirá, exclusivamente, para a circulação de táxis. Já a rua Manoel Clemente, na área do Parque Ruber van der Linden, onde acontecem os shows do Palco Instrumental, só será interditada a partir da terça-feira (25) – sempre das 16h às 23h.

Bairro Heliópolis – O trecho da avenida Júlio Brasileiro, que compreende a parte frontal do Parque Euclides Dourado, passará por interdição a partir da sexta (21). Os cruzamentos da avenida Rui Barbosa com a rua Marina Branco, e avenida Júlio Brasileiro com a rua Pedro Rocha também estarão fechados, servindo apenas para a entrada e saída de pedestres, táxis e mototáxis.

A AMSTT está realizando um cadastramento dos moradores que residem nas áreas citadas para que possam ter um acesso diferenciado. Aqueles que ainda não foram contatados, devem procurar a sede da autarquia, localizada na avenida Irga, no Centro Administrativo II, nº 100; ou ligar para o (87) 3762-3967. (Secom)

Secretaria de Saúde organiza esquema de atuação durante 27º FIG

Foto: Secult/PE

A Secretaria de Saúde de Garanhuns divulgou nesta quarta-feira (19) o seu plano de ação a ser executado durante o 27° Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), que acontecerá entre os dias 20 e 29 deste mês. Visando garantir a saúde da população e dos turistas que estarão na cidade prestigiando o evento multicultural, a Secretaria vai disponibilizar serviço de urgência e emergência médica móvel e fixa com equipes especializadas nos polos do evento espalhados pela cidade.

Na Praça Cultural Mestre Dominguinhos, a Secretaria de Saúde disponibilizará atendimentos de urgência e remoção de paciente para hospitais, durante todos os dias do evento, das 20h às 2h. No local, haverá uma equipe completa com uma estrutura fixa, onde estarão médico, enfermeira, técnica de enfermagem e uma ambulância à disposição. Durante as atividades que acontecem no Parque Euclides Dourado, que aloja o Palco Pop/Forró, Circo e Pavilhão de Dança, estará disponível uma equipe técnica de saúde, das 15h às 20h; e das 20h às 02h, nos dias em que houver programação.

Fique Sabendo - O Parque Euclides Dourado contará também com as atividades da ação “Fique Sabendo”, na Biblioteca Municipal Luís Jardim, que promove uma mobilização social de incentivo à testagem contra Aids e sífilis, bem como a distribuição de preservativo e camisetas da ação, durante os dias 22 e 29 de julho, das 16h às 19h.

No Parque Ruber Van Der Linden, popularmente conhecido como Pau Pombo, local onde acontecem as apresentações instrumentais no FIG, haverá uma ambulância com a equipe técnica, das 17h às 21h. Ainda no Centro, o Palco de Cultura Popular Ariano Suassuna, que tem início na localizado no Espaço Colunata, estará disponível uma unidade móvel, com técnico de enfermagem, sempre das 12h às 19h. Nos últimos dias 27, 28 e 29, o polo Castainho, contará com atendimento móvel para qualquer situação de remoção ou intercorrência.

Em relação à Vigilância Sanitária, o órgão estará atuando em regime de plantão, realizando o trabalho de fiscalização na Praça Mestre Dominguinhos durante todos os dias do evento, bem como de outros polos que possuem barracas de alimentos, além de bares, restaurantes, hotéis e motéis. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também estará dando suporte nas demandas necessárias do evento.

Serão realizadas também ações de epidemiologia, por meio da divulgação de material educativo com foco sobre o tabagismo, controle de doenças sexualmente transmissíveis e arboviroses, além de outros serviços do núcleo de promoção à saúde. (Secom)

quarta-feira, 19 de julho de 2017

Lava Jato identifica 31 conversas e trocas de mensagens entre Léo Pinheiro e José Múcio Monteiro, ministro do TCU

José Múcio Monteiro (Foto: TCU/Agência Brasil)

O ex-presidente da OAS Léo Pinheiro manteve 31 conversas telefônicas e trocas de mensagens com o ministro José Múcio Monteiro, do Tribunal de Contas da União (TCU). As conversas ocorreram entre junho de 2013 e agosto de 2014, período em que o órgão discutia bloqueio de recursos para uma obra da empreiteira, a construção do estádio Arena das Dunas, no Rio Grande do Norte. Os dados constam de relatório do Ministério Público Federal sobre a quebra de sigilo telefônico de Léo Pinheiro, mantido em segredo na Justiça Federal do Rio Grande do Norte e obtido por EXPRESSO. Segundo as investigações, os telefonemas partiam de um celular em nome de um funcionário da OAS, André Ney Garcia, mas que era usado por Léo Pinheiro. As conversas, em geral, duravam entre um e três minutos.

Léo Pinheiro negocia uma delação premiada com a Procuradoria-Geral da República e, em seu cardápio, promete incluir informações sobre integrantes do TCU e do Judiciário. José Múcio Monteiro chegou a participar de julgamento e proferir seu voto em processo do TCU que permitiu a liberação de recursos para o Arena das Dunas.


Procurado, José Múcio Monteiro afirmou ser amigo de Léo Pinheiro desde o período em que ocupou o cargo de ministro das Relações Institucionais do governo Lula, entre 2007 e 2009. Afirmou, ainda, que Pinheiro costumava lhe telefonar quando ia ao TCU para conversar. Múcio admitiu que, em uma ocasião, Léo Pinheiro falou sobre um processo da OAS relacionado a aeroportos, mas diz que o empreiteiro nunca pediu sua interferência em processos no TCU. (Da Época.com)

Fernando Bezerra Coelho está atirando para todo lado, depois de conversas com Rodrigo Maia pelo controle do DEM em Pernambuco, agora pressionam Temer para tomar o PMDB de Jarbas


Como publicado aqui no Blog do Cisneiros (Clique aqui e relembre), com exclusividade, no último sábado (15), o senador Fernando Bezerra Coelho (PSB) e o seu filho, o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho (PSB), poderiam estar próximos de selar a paz com o governador pernambucano, Paulo Câmara (PSB) e a cúpula do PSB, mesmo partido do senador e seu filho.

O motivo da paz, segundo uma fonte contou ao Blog do Cisneiros, é que o governador Paulo Câmara teria oferecido à secretaria da agricultura ao grupo do senador, e ainda ofertada a vaga de vice ao seu filho em sua chapa onde concorrerá a reeleição no próximo ano.

Matéria publicada, um amigo, próximo aos membros de alta plumagem do governo pernambucano, nos questionou como ficaria o PMDB nessa história, pois segundo conhecia o ex-governador e hoje deputado federal, Jarbas Vasconcelos, o qual comanda o PMDB no estado, este jamais aceitaria o seu partido perder a vaga de vice de Paulo. Completando: “A não ser que Fenando Bezerra junto com seu filho e todos os deputados que o acompanham, fossem para o PMDB”.

Naquele momento concordamos com o raciocínio, mas achamos pouco provável a possibilidade.

Foi quando nesta terça-feira (18) começou a ser noticiado pela imprensa nacional e da capital pernambucana, que o senador estaria articulando com o presidente Michel Temer, do PMDB, e o presidente nacional da sigla, o senador Romero Jucá (RR), para tomar o controle do partido no estado de Jarbas.

O vice-governador de Pernambuco, 
Raul Henry (PMDB)
Diante das especulações de que o grupo de Fernando Bezerra Coelho poderia tomar o PMDB em Pernambuco, o presidente estadual da sigla no Estado e vice-governador de Pernambuco, Raul Henry (PMDB), afirmou que a agremiação "não possui uma cultura de intervenção em seus diretórios". O dirigente citou a situação do PMDB de Alagoas, onde o senador Renan Calheiros (PMDB) faz críticas robustas ao governo Temer e não sofreu nenhuma intervenção.

"O PMDB não tem essa cultura de intervenção nos seus diretórios. Perdemos fragorosamente uma eleição em 2010, sustentamos uma oposição de 20 deputados federais contra cinco e nunca se cogitou uma mudança no Estado. O PMDB é uma federação de partidos regionais. Nossa existência sempre contou com divergências", afirmou Raul Henry, em entrevista por telefone a repórter Carol Brito da Folha de Pernambuco.

O deputado federal,
Jarbas Vasconcelos (PMDB)
Na mesma linha foi Jarbas, que, em viajem à Nova York, onde se encontra em missão da Câmara Federal, enquanto membro da União Interparlamentar, foi consultado pela jornalista Renata Bezerra de Melo, da coluna Folha Politica, também do jornal Folha de Pernambuco, por telefone, onde falou: “Não vou nem dar sequência a isso, que isso (especulação) é coisa velha, antiga. Não tem o menor sentido. É uma repetição de cinco, seis, 10 anos para cá”. Em 2010, quando concorreu ao Governo do Estado, o peemedebista e o partido em Pernambuco ficaram contra Michel Temer, contra Lula, contra Dilma Rousseff, contra Eduardo Campos, que, até então, era aliado do PT, e não se deu nenhuma intervenção.

De acordo com a Blogueira Noelia Brito, Jarbas e Raul Henry, podem fazer o caminho inverso aos Coelhos, filiando-se ao PSB de Paulo Câmara, com quem têm demonstrado muito mais afinidade do que com o comando do PMDB nacional.

Raul Henry, Paulo Câmara e
Jarbas 
Vasconcelos
Essa séria uma opção para Jarbas, Raul e seu grupo. Voltando a jornalista Renata Bezerra de Melo, esta publicou em sua coluna na internet, que pelo menos uma vez por mês, Jarbas costuma almoçar no Restaurante Leite, e no último dia 30 de junho, seguiu o mesmo ritual, com um detalhe, contou com a companhia de Paulo Câmara, Raul Henry, o ex-secretário de Jarbas, Guilherme Robalinho, Arménio Dias e Alberto Ferreira da Costa Júnior. A jornalista ainda lembra que uma vez que a política é feita de gestos, o encontro, em local público, não deixa de ser uma sinalização expressa de que o seu grupo e o de Paulo seguem afinados. Antes de se dirigir ao almoço, Jarbas concedeu entrevista à Rádio Jornal, quando realçou que está decidido a disputar o Senado em 2018. Deixou claro estar focado nisso. O caminho, agora, será o de viabilizar esse projeto. Seja pelo PMDB, PSB, ou que partido for, desde que seja na chapa do governador.

Fernando Bezerra Coelho
e Paulo Câmara
Noelia Brito ainda relata em seu Blog, que uma fonte ouvida por ela, chega a comparar, em reserva, o PSB de Pernambuco ao traficante colombiano Pablo Escobar, que acabou destruído não pelos seus inimigos declarados, mas pelos próprios aliados que se transformaram em inimigos ocultos, em resposta às perseguições e às humilhações que foram se acumulando ao longo dos anos e que irremediavelmente um dia teriam que se voltar contra quem não teve limites para praticá-las.

O deputado federal
Gonzaga Patriota (PSB)
Em sua coluna sua coluna de hoje, quarta-feira (19), o jornalista politico, Edmar Lyra, afirma em seu Blog, que a saída de Fernando do PSB não tem mais volta, é prego batido e ponta virada, onde levaria consigo somente da bancada pernambucana João Fernando Coutinho, Fernando Filho e Marinaldo Rosendo, podendo acompanhá-los Gonzaga Patriota, que tem se sentido desprestigiado pelo governador Paulo Câmara e sua equipe. A debandada que atualmente é de 14 deputados poderá ser de até 20 parlamentares, o que deixaria o PSB completamente fragilizado. Sob o comando de Carlos Siqueira, o PSB está longe de ser o partido dos tempos áureos de Eduardo Campos e caminha a passos largos para se tornar uma sigla irrelevante no plano nacional.

É esperar pra ver. O certo, pelo que estamos vendo, é que os Coelhos estão numa disputa aberta e explicita de poder com a cúpula do PSB, em especial com a cúpula do PSB em seu estado, em especial com o governador de Pernambuco, Paulo Câmara. Onde talvez, até hoje o senador não se conforme, em não ter sido o escolhido, pelo hoje já falecido, ex-governador Eduardo Campos, como candidato no lugar de Paulo.

terça-feira, 18 de julho de 2017

II Ecosports movimenta Parque Euclides Dourado no 27º FIG


O Parque Euclides Dourado, um dos principais atrativos turísticos de Garanhuns, recebe, pelo segundo ano consecutivo, um evento voltado aos esportes radicais, entre eles parkour, slackline, BMX e skate. O II Ecosports acontece nos dias 22 e 23 de julho, na pista de skate do local, simultaneamente à 27ª edição do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG). O evento conta com o apoio do Governo Municipal de Garanhuns, por meio da Secretaria de Juventude, Esportes e Lazer.

O professor Mateus Alves detalha como serão as atividades, que contam com a participação de Guilherme Netter, atleta profissional de slackline, e de Paulo Vitor, um dos representantes brasileiros do parkour. “Trata-se de um evento aberto ao público, em que vamos promover, com total segurança, apresentações e demonstrações das práticas dessas modalidades esportivas, vivenciadas aqui em Garanhuns”, pontua o organizador do evento, em conjunto com o Grupo Dragões Voadores de Parkour.

Para participar do II Ecosports, que acontece no período das 10 h às 18 h, é necessário doar 1kg de alimento não perecível. De acordo com a organização, o total de arrecadações será destinado a projetos sociais. (Secom)